Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

SIGI do Bankinter e da Sonae Sierra compra cinco supermercados no país por 37 milhões

Em causa estão quatro espaços comerciais do Continente - que passaram para as mãos da Ores através de contratos de sale & leaseback – e um do Pingo Doce.

Photo by Alexandru Tugui on Unsplash
Photo by Alexandru Tugui on Unsplash
Autor: Redação

A Olimpo Real Estate Portugal (Ores Portugal), Sociedade de Investimento e Gestão Imobiliária (SIGI) lançada pelo Bankinter e pela Sonae Sierra no final de junho, já “anda às compras” e acaba de concluir a aquisição dos primeiros ativos imobiliários em Portugal. A SIGI comprou cinco superfícies comerciais no país, num investimento total de 37 milhões de euros, “realizado com recurso a fundos próprios e a financiamento bancário contratado junto de duas instituições financeiras”.

O portefólio, com uma área total de 21.227 metros quadrados (m2), é composto por supermercados e hipermercados localizados em Asprela, Mozelos, Covilhã, Faro e Reboleira, segundo o comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). Nesse documento, a SIGI acrescenta ainda que os estabelecimentos comerciais têm “contratos de arrendamento de longa duração”.

Em causa estão quatro espaços comerciais do Continente e um do Pingo Doce - os supermercados Continente, neste caso, passaram para as mãos da Ores através de contratos de sale & leaseback (venda e posterior arrendamento). A SIGI comprou estes quatro imóveis à Sonae MC, subsidiária da Sonae, que esta quarta-feira (5 de agosto de 2020) comunicou a operação junto da CMVM, anunciando a conclusão da venda de “quatro ativos de retalho alimentar” localizados no país por um total de 34 milhões de euros. Feitas as contas, a transação do Pingo Doce cifrou-se nos 3 milhões.

Ores aposta em "ativos imobiliários estáveis"

Para a SIGI, “esta compra é consistente com a estratégia definida para a Ores Portugal, contribuindo decisivamente para o cumprimento dos objetivos de investimento em ativos imobiliários estáveis, situados em importantes zonas urbanas do país e com um horizonte temporal de largo prazo”.

"Esta operação, pioneira em Portugal, reafirma também o nosso compromisso com o desenvolvimento económico em Portugal e representa um contributo importante para a dinamização de um dos seus setores mais relevantes", refere Alberto Ramos, CEO do Bankinter Portugal, citado em comunicado.

Para Alexandre Fernandes, Head of Asset Management da Sonae Sierra, “estas primeiras aquisições representam um passo muito importante na execução da nossa estratégia de investimento. Continuamos atentos ao mercado, onde temos identificados vários ativos imobiliários que reúnem as condições para se integrarem neste portefólio no curto e médio prazo.”

A Ores Portugal foi lançada em dezembro de 2019 e é a primeira SIGI a ser criada em Portugal, replicando a experiência desenvolvida em Espanha através da Olimpo Real Estate SOCIMI, igualmente patrocinada e gerida pelo Bankinter e pela Sonae Sierra.