Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Valor sob gestão dos fundos de investimento imobiliário volta a cair em outubro

Montante atingiu os 10.356,9 milhões de euros, menos 61,2 milhões (0,59%) do que em setembro. Revelam os dados da CMVM.

Photo by Echo Grid on Unsplash
Photo by Echo Grid on Unsplash
Autor: Redação

Em outubro de 2020, o valor sob gestão dos fundos de investimento imobiliário (FII), dos fundos especiais de investimento imobiliário (FEII) e dos fundos de gestão de património imobiliário (FUNGEPI) atingiu 10.356,9 milhões de euros, menos 61,2 milhões (0,59%) do que em setembro, revela a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

De acordo com o supervisor, o montante investido nos fundos de investimento imobiliário desceu 0,5% para 7.646,6 milhões de euros. Nos FEII, o valor caiu 0,7% para 2.370,1 milhões de euros e nos FUNGEPI recuou 1,5% para 340,2 milhões de euros.

  FII FEII FUNGEPI
  out/20 set/20 Δ mensal out/20 set/20 Δ mensal out/20 set/20 Δ mensal
N.º de entidades gestoras 26 26 0 24 24 0 1 1 0
Valor sob gestão (1) 7.646,6 7.685,4 -0,5% 2.370,1 2.387,3 -0,72% 340,2 345,5 -1,5%
    Abertos 3.333,1 3.317,9 0,5% 382,4 389,4 -1,8% 340,2 345,5 -1,5%
    Fechados 4.313,5 4.367,5 -1,2% 1.987,7 1.997,9 -0,5% - - -
N.º de Fundos (2) 106 106 0 90 90 0 3 3 0
    Abertos 10 10 0 4 4 0 3 3 0
    Fechados 96 96 0 86 86 0 - - -
Capitalização média dos Fundos [(1)/(2)] 72,1 72,5 -0,37 26,3 26,5 -0,19 113,4 115,2 -1,75
Nota: N.º de Fundos contabiliza apenas os organismos de investimento coletivo e não os compartimentos patrimoniais autónomos destes.

No período em análise, os países da União Europeia foram o destino da totalidade do investimento feito em ativos imobiliários, tendo 47,3% da carteira dos FII e FEII abertos sido aplicados em imóveis do setor dos serviços. Os investimentos realizados pelos FUNGEPI destinaram-se sobretudo ao setor do comércio (64,5% do total).

A Interfundos (12,7%), a Square AM (11,5%) e a Caixa Gestão de Ativos (9,3%) detinham as quotas de mercado mais elevadas.