Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Consumidores passam a poder mudar de fornecedor de gás as vezes que quiserem

Autor: Redação

A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) quer agilizar o mercado liberalizado do gás natural e, nesse sentido, a partir de abril, as empresas passam a ter um prazo de três semanas para instalar o gás em casa dos consumidores e estes passam a poder mudar de fornecedor as vezes que pretenderem.

Segundo a TSF, esta é uma das novas regras que o regulador vai impor com o objetivo de facilitar a vida dos clientes de gás natural que mudem para o mercado liberalizado e daqueles que, já lá estando, mudem de fornecedor.

De referir que até agora os clientes só podiam mudar de fornecedor quatro vezes por ano, o que agora passa a ser indefinido.

As novas regras devem entrar em vigor no final de abril e servem tanto para os clientes de gás natural como para quem tem um fornecedor único de gás e eletricidade.