Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Obras no Palácio Nacional da Ajuda obrigam a corte de trânsito até 2020

Palácio Nacional da Ajuda, Lisboa / Wikimedia commons
Palácio Nacional da Ajuda, Lisboa / Wikimedia commons
Autor: Redação

As obras de requalificação do Palácio Nacional da Ajuda, em Lisboa, vão obrigar ao corte ao trânsito de um troço da Calçada da Ajuda até maio de 2020. Nos próximos 14 meses o trânsito estará cortado entre a Alameda dos Pinheiros e a Calçada do Mirante à Ajuda, segundo informação da Direção-Geral do Património Cultural (DGPC).

Em causa estão as obras de requalificação que decorrem no Palácio Nacional da Ajuda para terminar o edifício - incompleto há mais de 200 anos -, que dará lugar ao futuro Museu do Tesouro Real, escreve a Lusa.

O prazo de conclusão estava fixado para o primeiro trimestre de 2020, mas a ministra da Cultura, Graça Fonseca, disse na terça-feira (25 de fevereiro de 2019), em audição parlamentar, que as obras estavam atrasadas.

Com um orçamento de 21 milhões de euros, as obras são da responsabilidade da DGPC e da Associação de Turismo de Lisboa, entidade que suporta parte dos custos. O futuro museu espera acolher 250 mil visitantes por ano.