Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Soares da Costa foca-se em Angola e anuncia Joaquim Fitas como CEO

Autor: Redação

A Soares da Costa anunciou que Angola passa a “centro estratégico” do grupo e que África será o “mercado prioritário” na construção, tendo os acionistas nomeado Joaquim Fitas como novo presidente da Comissão Executiva da empresa – sucede no cargo a António Castro Henriques, que renunciou às suas funções no início do mês.

Em comunicado, a empresa, que é controlada pelo empresário angolano António Mosquito, adianta que a “reestruturação” do grupo “assenta na definição de África como mercado prioritário e Luanda como novo centro estratégico do negócio”. “A nova orientação passa também pela captação de novos contratos de engenharia e pela redução de custos”, lê-se no documento.

Segundo o Diário Económico, a construtora assume que Moçambique “vai também tornar-se como uma referência” do grupo. 

De referir ainda que está encontrado o sucessor de António Castro Henriques na presidência da Comissão Executiva da empresa. Trata-se de Joaquim Fitas, que desempenhava o cargo de administrador da empresa de construção angolana Omatapalo e já desempenhou funções como presidente da Águas de Angola, foi administrador da Águas de Moçambique e esteve na direção da Águas de Portugal e da EPAL.

No comunicado, o novo CEO da empresa destaca que a Soares da Costa Construção “é uma grande construtora” e que o objetivo passa por “dar uma nova orientação estratégica à empresa, assumindo-se Luanda como sede operacional”.