Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Keller Williams fecha primeiro semestre em alta - cresce 72%

Número de angariações subiu 50% e o volume de negócios 65% face ao período homólogo.

Atividade Keller Williams 2021
Photo by LinkedIn Sales Solutions on Unsplash
Autor: Redação

Nem todos os negócios foram afetados pela crise pandémica. A atividade da Keller Williams Portugal (KW) é um exemplo, já que fechou a primeira metade de 2021 em alta, registando um crescimento de 72% face ao período homólogo.

A evolução positiva da produtividade da consultora imobiliária está por detrás deste bom resultado. Além disso, destaca-se a abertura de três novos ‘Market Centers’ e o aumento do número de associados na ordem dos 31%, sendo hoje mais de 2.400.  Também o número de angariações e o volume de negócios subiram face ao período homólogo, em concreto 50% e 65% respetivamente, revela a KW em comunicado citado pela imprensa.

“Estes resultados apenas são possíveis graças ao esforço coletivo da equipa KW. Sem o empenho e a dedicação dos consultores, não veríamos este notório crescimento, que nos permite, nos primeiros seis meses de 2021, registar um aumento do volume de negócio e das angariações”, disse Eduardo Garcia e Costa, regional owner e presidente da KW Portugal.

Estes resultados vão, assim, ao encontro da “estratégia de crescimento” da consultora para 2021, que tem como meta alcançar os 50 ‘Market Centers’ e os 10.000 consultores, segundo revelou Eduardo Garcia e Costa no mesmo documento.