Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Multinacional norte-americana Sitel expande ocupação no edifício D. Luís I

JLL
JLL
Autor: Redação

A Sitel, empresa multinacional norte-americana de serviços em outsourcing de atendimento, instalou-se em julho do ano passado no edifício D. Luís I, em Santos (Lisboa), ocupando uma área de aproximadamente 3.400 m2. A empresa, que se encontra nos pisos 4, 5 e 6, expandiu agora a sua área de escritórios, passando a ocupar 4.065 m2 (mais 636 m2).  

Segundo a consultora imobiliária JLL, que assessorou o negócio mas omitiu a identidade da empresa arrendatária – no comunicado enviado às redações –, o edifício D. Luís I foi um dos primeiros edifícios de escritórios a ficar concluído em Santos, considerada a nova zona de expansão deste mercado em Lisboa.

O imóvel é promovido pelo The Edge Group, um conjunto de holdings de investimentos e capital de risco lideradas por José Luís Pinto Basto, numa parceria com o investidor institucional britânico Rockspring, tendo sido totalmente renovado no ano passado. Dispõe ao todo de cerca de 10.279 m2 Área Bruta Locável e de 146 lugares de estacionamento, bem como de um restaurante-cafetaria, de um ginásio e de um rooftop panorâmico. “Com sete pisos acima do solo e dois pisos de estacionamento em cave, o imóvel já se encontra ocupado na sua totalidade”, refere a JLL.

“O edifício D. Luís I concluiu a sua comercialização em tempo recorde. Um desempenho que não só confirma a apetência crescente das empresas para se instalarem naquela zona ribeirinha de Lisboa, mas também que a procura de espaços continua muito forte e que a escassez de nova área está a acelerar o tempo de absorção”, disse Mariana Rosa, diretora do departamento de Office Agency e Corporate Solutions da consultora imobiliária.