Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Ronaldo é o misterioso dono da penthouse mais cara alguma vez vendida em Portugal

Transação de 7,2 milhões animou o mercado no passado verão, sem nunca ter sido revelada a identidade do comprador.

Vanguard Properties/Gtres
Vanguard Properties/Gtres
Autor: Redação

A venda do apartamento mais caro de Portugal, envolto em grande mistério, fez subir a temperatura do mercado imobiliário no passado verão. E ao que tudo indica já é conhecido o nome que estará por detrás deste negócio milionário. O luxuoso 13º piso do número 203 da Rua Castilho, no centro de Lisboa, arrematado por 7,2 milhões de euros, pertencerá, afinal, ao craque português Cristiano Ronaldo.

O edifício Castilho 203, orientado para um segmento ultra premium, como noticiado pelo idealista/news, e promovido pela Vanguard Properties, soma um total de 19 unidades, mas a penthouse terá sido a primeira a ser vendida – e foi considerada a mais cara alguma vez vendida em Portugal. O apartamento é de tipologia T3 e tem cerca de 287 metros quadrados (m2), aos quais é preciso acrescentar um terraço de 260 m2.

O nome do misterioso comprador, CR7, foi avançado pela TV7Dias em dezembro, e agora confirmado pelo Jornal Económico. Fonte próxima do processo garantiu ao jornal que o capitão da seleção portuguesa visitou o imóvel entre junho e julho do ano passado para visitar a casa e que terá concretizado o negócio em agosto, efetuando o pagamento do imóvel por transferência bancária.

Ronaldo já é dono de um apartamento na Avenida da Liberdade e de uma casa na Quinta da Marinha, tendo sido protagonista de vários negócios imobiliários ao longo do ano que passou. O jogador da Juventus vendeu, por exemplo, a casa de luxo no Gerês a Pepe, por 2,5 milhões.