Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Quem quer um arranha-céus quando pode viver num espetacular edifício subterrâneo?

Autor: Redação

A construção em altura é uma moda que parece ter vindo para ficar, já que nascem todos os anos centenas de arranha-céus – e cada vez mais altos. Mas, na verdade, para ver algumas das joias da arquitetura moderna não é preciso “subir até ao céu”. Os melhores estúdios de arquitetura do mundo estão empenhados em dar “uma nova vida” às antigas casas-caverna, transformando-as em espetaculares exemplos de design e sustentabilidade.

Este são alguns dos exemplos de edifícios subterrâneos que mais saltam à vista:

Igreja Temppeliaukio (Helsínquia, Finlândia)

Mansão de Steve O’connor (Helsby, Reino Unido)

Casa subterrânea (Ilha de Antiparos, Grécia)

Casa da Terra (Seus, Coreia do Sul)

Vivenda debaixo do jardim (Glaumbaer, Islândia)

Galeria de arte (Wieliczka, Polónia)

Casa Hobbit (País de Gales)

Museu enterrado (Naoshima, Japão)

Casa integrada na montanha (Salobreña, Espanha)

Quartel de bombeiros (Magrè sulla strada del vino, Itália)

Casa caverna (Vals, Suíça)