Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

The Peak: assim é o bairro mais luxuoso do planeta (fica em Hong Kong)

Em Hong Kong
Victoria Peak / South China Morning Post
Autor: Redação

Nova Iorque, Londres, Paris... Todas as grandes cidades têm um bairro onde vivem os mais ricos e famosos. Certamente que a 5ª Avenida, Kensington ou Beverly Hills vêm imediatamente à memória. Mas poucos sabem que as ruas mais caras do planeta se encontram em Victoria Peak, em Hong Kong. E sim, há quem chegue a pagar mais de 170.000 euros por metro quadrado (m2).

Ainda não está confirmado, mas o fundador do Alibaba, Jack Ma, terá pago 191 milhões de dólares (175 milhões de euros), em 2015, por uma destas mansões. Banqueiros, empreendedores, celebridades, magnatas e cada vez mais milionários querem comprar casa nestas colinas. Recentemente, um comprador ainda não identificado chegou a pagar 180 milhões de dólares (146 milhões de euros) por uma casa de 856 m2, cujo preço do m2 era superior a 170.000 euros.

Há mais de 100 anos que o The Peak se tornou na área mais exclusiva de Hong Kong. Antes da Segunda Guerra Mundial, apenas os britânicos e estrangeiros podiam viver nestas ruas. Aqui poderão ser encontradas algumas das mansões e apartamentos mais caros do mundo, como o complexo ultraluxuoso Twelve Peaks, vendido em 2015 por 105 milhões de dólares (85 milhões de euros).

Outro resort de luxo é o Opus Hong Kong, projetado pelo prestigiado arquiteto Frank Gehry. Sabe-se que o último apartamento disponível no prédio chegou a custar 66 milhões de dólares (53,5 milhões de euros) em 2015.