Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Apple junta-se ao combate da falta de habitação na Califórnia com investimento de 2,5 mil milhões

Cerca de 30 mil pessoas abandonaram São Francisco entre abril e junho deste ano, por não conseguirem suportar os custos com as casas.

O presidente da Apple, Tim Cook, e o governador da Califórnia, Gavin Newsom / Apple
O presidente da Apple, Tim Cook, e o governador da Califórnia, Gavin Newsom / Apple
Autor: Redação

A Apple anunciou que irá investir 2,5 mil milhões de dólares (2,2 mil milhões de euros) para ajudar a combater a crise imobiliária que assola a Califórnia (EUA), um dos Estados que mais sofre com o problema da falta de habitação - estima-se que 30 mil pessoas abandonaram São Francisco entre abril e junho deste ano. A gigante tecnológica lembra que há muitos membros da comunidade como professores, bombeiros ou prestadores de serviços a ter de “fazer a difícil escolha de deixar para trás o sitío que há muito chamam de lar”.   

“Antes do mundo saber o que era o Silicon Valley, e muito antes andarmos com dispositivos eletrónicos no bolso, a Apple considerou esta região o seu lar e sentimos uma profunda responsabilidade cívica para garantir que continue a ser um lugar vibrante, onde as pessoas possam viver, ter uma família e contribuir para a comunidade ”, começa por dizer o presidente da empresa, Tim Cook, citado em comunicado.

No mesmo documento, Cook refere que a “habitação acessível significa estabilidade e dignidade, oportunidade e orgulho”. “Quando essas coisas ficam fora do alcance de muitos, sabemos que a direção que seguimos é insustentável e a Apple está comprometida em fazer parte da solução”, acrescenta.

Wikimedia commons
Wikimedia commons

A Apple projetou um plano para acelerar e expandir a produção de novas habitações; impulsionar projetos a longo prazo que, de outra forma, não seriam possíveis; ajudar pessoas que vão comprar casa pela primeira vez; e apoiar novos programas para ajudar a tirar das ruas os sem-abrigo, “depois de estudar extensivamente a questão e ouvir diferentes perspetivas”. Em parceria com o governador do estado da Califórnia, Gavin Newsom, “a Apple está a disponibilizar um investimento significativo que oferece apoio habitacional em todo o estado, além de financiamento para projetos em Sillicon Valley e Bay Area”.

“Este compromisso financeiro assinalável para a habitação acessível e as estratégias inovadoras que estão no centro desta iniciativa são a prova de que a Apple leva a sério a solução deste problema. Espero que outras empresas sigam o exemplo”, disse Gavin Newsom.

Plano da Apple inclui:

  • Fundo de investimento de mil milhões de dólares para a construção de habitação a preços acessíveis;
  • Mil milhões para apoiar o financiamento hipotecário dos que pretendam comprar a sua primeira casa;
  • 300 milhões em terras para construir que a própria Apple possui;
  • 150 milhões para um fundo imobiliário apenas destinado à Bay Area;
  • 50 milhões para apoiar os cidadãos mais vulneráveis.