Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Antigo espaço do restaurante Astória no Porto é agora a nova “casa” da Apple - custou meio milhão

A loja situa-se no Palácio das Cardosas, edifício histórico situado na Praça da Liberdade, que foi transformado num Hotel InterContinental.

Autor: HombreDHojalata/  CC-BY-SA-4.0
Autor: HombreDHojalata/ CC-BY-SA-4.0
Autor: Redação

A primeira loja da Apple no Porto chegou à cidade pela mão do Grupo Marques da Silva (GMS), revendedor da marca norte-americana em Portugal e tem vista privilegiada para a Avenida dos Aliados. Vai ocupar aquele que foi o primeiro espaço do emblemático café (e depois restaurante) Astória, no Palácio das Cardosas, que mais tarde se viria a transformar no Hotel InterContinental.

Pelo até então Palácio das Cardosas passou, inicialmente, o café Astória, até meados dos anos 70, e logo depois o Banco Pinto & Sotto Mayor. Em 2011, o palácio renasceu como Hotel InterContinental, que decidiu voltar a abrir o café Astória no rés-do-chão da mesma esquina do edifício, que mais tarde passou a funcionar como restaurante, tal como explica o Jornal de Negócios.

Entretanto, o InterContinental decidiu fechar esse espaço e reabrir um novo restaurante Astória nas traseiras do hotel, e arranjou um novo inquilino para o espaço: o Grupo Marques da Silva (GMS), revendedor da Apple em Portugal. O investimento na loja rondou o meio milhão de euros, e "é fruto de uma estratégia de expansão que, mesmo em tempos estranhos, como estes que vivemos, são o espelho da nossa visão e crença na marca Apple",de acordo com André Marques da Silva, CEO do grupo, citado pela publicação.

"Queríamos oferecer à cidade [do Porto] uma loja icónica, julgo que o Palácio das Cardosas, edifício histórico situado na Praça da Liberdade, foi a escolha certa", refere ainda o empresário.

Etiquetas
ApplePorto