Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Recriar obras de arte famosas em casa: o novo “challenge” que faz furor na internet

A ideia é relativamente simples e passa por "dar vida" a uma pintura com os objetos e cenários do dia a dia. O resultado é, no mínimo, divertido.

Recriação de "O Grito" de Edvard Munch /  @tussenkunstenquarantaine
Recriação de "O Grito" de Edvard Munch / @tussenkunstenquarantaine
Autor: Redação

A necessidade aguça o engenho (já dizia o ditado). E esta quarentena, provocada pelo coronavírus, é a prova disso mesmo. Estes novos tempos trouxeram à tona a criatividade de meio mundo, decidido a fazer frente à incerteza com alguma aprendizagem e  divertimento à mistura. E há um novo desafio a correr a internet: a recriação de obras de arte famosas com objetos e cenários caseiros. O resultado é, no mínimo, de ir “às lágrimas”, e irá provocar boas gargalhadas.

Há muitos exemplos um pouco por todo mundo e é difícil precisar onde nasceu este “challenge”. Mas a página mais badalada do Instagram (e já referenciada por museus de renome) tem origem holandesa e chama-se Tussen Kunst & Quarantaine (Entre a Arte e a Quarentena). Desafia qualquer pessoa, pelos quatro cantos do mundo, a “dar vida” a uma pintura – famosa ou não. Na página encontramos os mais variados exemplos: recriações de Vincent van Gogh, Rembrandt, Johannes Vermeer e outros artistas clássicos, como Boticcelli.

@tussenkunstenquarantainetem tem cerca de um mês e meio e já conta com mais de 500 contributos e quase 240 mil seguidores. Eis alguns exemplos de inspiração, para quem decidir participar neste desafio.