Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Viver em casas pequenas

Últimas notícias sobre "Viver em casas pequenas" publicadas em idealista.pt/news

A “luta” absurda para construir a casa mais pequena do mundo

Quantos m2 são necessários para viver? Os arquitetos parecem tentar responder a esta pergunta nos últimos anos com as suas próprias criações. Alguns especialistas consideram que se pode viver num espaço de 35 m2 e há quem vá mais longe e se empenhe em construir casas portáteis de 25 m2 que podem ser compradas na internet.
Notícia sobre:

A casa mais barata de Londres é um estúdio de sete m2 que custou 111.000 euros

Ao contrário do que acontece em praticamente todo o mundo, em Londres, os preços das casas são negociados “por cima”. Na capital britânica, um imóvel de dimensões consideradas médias custa uma pequena fortuna. Um exemplo: na semana passada, um estúdio de apenas sete m2 que foi posto à venda por 105.000 euros acabou por ser vendido por mais de 111.000 euros.
Notícia sobre:

(Mini)apartamento para três: uma casa portátil desenhada por e para uma família

“A simplicidade é a máxima sofisticação”. A partir desta frase do génio Leonardo Da Vinci, os três membros da família Hall, de Massachusetts (EUA), decidiram mudar a vida e torná-la muito mais simples. A primeira opção que tomaram foi deixar a casa na qual viviam e construir com as próprias mãos uma “micro-casa” portátil de apenas 18 m2 que batizaram de “Tiny Hall House”. Levou seis meses a ser construída e custou menos de 30.000 dólares.
Notícia sobre:

Uma casa de apenas 17 m2... mas com “tudo no sítio”

Viver em apenas 17 m2 com todas as comodidades possíveis. Esta é a base do projeto “Thousand Crowd”, da arquiteta canadiana Isabbella Mori, que investiu 39.000 dólares (35.854 euros) a preparar uma “mini-casa”, para que não lhe falte nada. Todos os centímetros foram aproveitados ao máximo e de forma engenhosa...
Notícia sobre:

Assim vivem centenas de milhares de pessoas em Hong Kong (fotos)

Em Hong Kong há muitas pessoas a viver nas chamadas edifícios “colmeia”, que são enorme e têm casas muito pequenas – têm em média cerca de 2,8 m2. A prová-lo estão estas fotografias, divulgadas pela Sociedade para a Organização Comunitária (Society for Community Organization, na sigla original), que mostram como “centenas de milhares de pessoas continuam a viver em Hong Kong em casas que parecem celas e em cubículos de madeira”.
Notícia sobre:

Viver em “mini casas”: uma necessidade da crise transformada em tendência arquitetónica (fotos e vídeo)

Notícia sobre:

viver em casas minúsculas (vídeo)

Notícia sobre:
um dos 100 quartos de 10 m2 do edifício shek kip mei

fotos de casas com menos de 10 m2 em hong kong (fotos)

Notícia sobre:
  •  
  •