Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

TAP reduz preços para concorrer com as companhias low cost

Wikimedia commons
Wikimedia commons
Autor: Redação

Viajar através da TAP para destinos europeus e para o Norte de África (para Argélia e Marrocos) vai ser mais barato. Isto porque a companhia aérea portuguesa tem uma nova política comercial, que visa concorrer com as companhias low cost. Em causa está uma redução média de 34% no nível tarifário mais baixo – Discount – que entra em vigor esta quinta-feira (1 de setembro) para voos marcados a partir de 1 de outubro.

“A TAP passa desta forma a competir no segmento das tarifas mais baixas do mercado, cabendo a cada cliente escolher, de forma simples e transparente, o nível de serviço que melhor se adequa à sua viagem e pagando apenas o preço correspondente ao tipo de produto que valoriza”, refere a transportadora, em comunicado.

Segundo a Lusa, que se apoia no documento, a companhia oferece preços a partir de 32 euros por percurso, já com taxas incluídas, para destinos na Europa e para Argélia e Marrocos, sendo que as reservas podem ser feitas através do site da companhia ou do agente de viagens para viagens a efetuar a partir de 1 de outubro.

“Esta mudança insere-se no âmbito das medidas definidas no Plano Estratégico da TAP, que abrange, entre outras, o programa de remodelação da sua frota de médio curso com vista a melhorar os interiores de cabina dos aviões e a proporcionar mais conforto ao cliente”, frisa a empresa.

De referir que o programa em causa, que começa a meados deste mês, envolve um investimento de cerca de 40 milhões de euros.

Os clientes passam a dispor de quatro opções para viajar em económica e duas em executiva, às quais correspondem seis tarifas com serviços e ofertas diferentes.

Por exemplo, um passageiro que pretenda um voo para Londres, com partida de Lisboa, e que o tenha comprado até hoje, pagou 69,42 euros. Agora, pelo mesmo voo, passa a pagar 39 euros, menos 44%.

No caso de um voo Lisboa-Paris o “bilhete” passa a custar 33 euros enquanto um voo Lisboa-Valência custará 59 euros. Já uma ida a Bruxelas, a partir de Lisboa, passa a custar 35 euros e uma viagem até Frankfurt terá um custo de 60 euros.