Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Fatura da Sorte vai continuar: portugueses podem habilitar-se a 2,1 milhões em prémios

Autor: Redação

O concurso Fatura da Sorte voltou a ser renovado por mais um ano. Os prémios são sorteados entre os contribuintes que peçam fatura com Número de Identificação Fiscal (NIF) nas compras realizadas ao longo do ano. Para 2018 e até abril de 2019 estão reservados 2,1 milhões de euros, o mesmo valor do ano passado.

Na altura em que o concurso foi criado – em 2014, durante o Governo de Passos Coelho – eram oferecidos carros da marca Audi. Entretanto os prémios mudaram. Agora, e à semelhança do ano passado, “os prémios passaram a ser constituídos por títulos de dívida destinados à poupança, emitidos pela Agência de Gestão e Tesouraria e da Dívida Pública –  IGCP”, lê-se na portaria publicada em Diário da República.

O objetivo é o de promover a poupança das famílias portuguesas, ao mesmo tempo que se procuram evitar as fugas ao Fisco. De referir que apenas as faturas com NIF e validadas no Portal das Finanças contam para efeitos de sorteio de prémios.