Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

BCP prepara venda de crédito malparado ao fundo que comprou o “Nata 2” ao Novo Banco

O “Projeto Ellis”, avaliado em 170 milhões de euros, será vendido ao fundo Davidson Kempner.

Photo by Josh Calabrese on Unsplash
Photo by Josh Calabrese on Unsplash
Autor: Redação

O BCP estará prestes a fechar negócio com o fundo Davidson Kempner - que comprou o “Nata 2” ao Novo Banco – para a venda de uma carteira de crédito malparado, designada “Projeto Ellis”, avaliada em 170 milhões de euros. Em cima da mesa está também a venda do “Projeto Webb”, uma carteira mais granular e cujo valor inicial era de 450 milhões de euros, à Arrow.

Ambas as carteiras incluem créditos de grupos empresariais, os chamados devedores 'high profile', segundo a notícia avançada pelo ECO. Ainda não se sabe, contudo, quando é que as operações serão fechadas. A publicação recorda, de resto, as palavras do CEO do banco, Miguel Maya, na altura da apresentação de resultados trimestrais, na qual garantiu que as vendas de ativos problemáticos terá sempre por base uma “lógica de custo/benefício” e que o banco quer preservar capital nestes processos.

Além do BCP, também o Novo Banco tem outros processos em marcha, nomeadamente o “Projeto Carter”, composto por 12.000 empréstimos, que terá sido vendido ao fundo CRC em consórcio com a Arrow, de acordo com o ECO. Em causa está uma carteira de crédito malparado com um valor bruto de 79 milhões de euros, que acabou alienada por 37 milhões. O banco diz que o negócio teve um impacto direto "marginalmente positivo" nos resultados e no capital.