Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

10 dicas para poupares mais e melhor

Gtres
Gtres
Autor: Redação

Artigo escrito por João Raposo (joao.raposo@reorganiza.pt), partner da Reorganiza, para o idealista News Portugal, no âmbito da rubrica "Trocado por Miúdos".

Vivemos num tempo em que quase todos os dias se celebra algum motivo particular. Mas o Dia Mundial da Poupança deve ser visto de uma forma especial. Sabias que desde 1924 que se celebra este dia? Foi no 1º Congresso Internacional da Economia, em Itália, que se instituiu a importância desta celebração e desde essa altura se vão reforçando comemorações, ações de formação e sensibilização e se procura uma atenção particular aos hábitos de poupança das pessoais.

Quais os teus hábitos de poupança? É uma preocupação apenas no final do mês ou programas a tua vida com a poupança como prioritária?

Não se pode dizer que haja uma regra para saber se poupas muito ou pouco. De qualquer forma os especialistas nestas temáticas dizem que deverias poupar todos os meses entre 5% a 10% do teu vencimento líquido. Ou seja, uma pessoa que receba 600 euros deveria conseguir poupar aproximadamente 60 euros/mês. 

Uma ótima forma de ir aumentando a rendibilidade destes 60 euros/mês é através de aplicações seguras, que embora apresentem taxas mais baixas que os investimentos de maior risco, têm sempre a virtude de aumentar todos os anos o montante poupado. Repara que uma pessoa que tenha hoje 25 anos e comece a poupar 60 euros/mês num produto financeiro que rentabilize a 4% ano, quando estiver em idade da reforma (66 anos) terá 74.540 euros só à conta das poupanças. Vale a pena começar cedo, pois se tens 40 anos e quiseres ter o mesmo valor na reforma, tens de poupar 136 euros todos os meses a partir de hoje! 

Provavelmente estás a pensar que estes cálculos são muito interessantes, mas que na realidade nem 10 euros consegues poupar. Se assim é, o desafio passa por: poupar pelo menos esses 10 euros e aplicá-los numa poupança (não vale a pena adiares a poupança para quando tiveres mais dinheiro); procurar olhar para o teu dia a dia e ganhar novos hábitos de poupança.

Há muitas formas originais de poupar. Há poupanças mais evidentes e há outras que exigem maior criatividade. De qualquer forma aqui ficam algumas dicas que podem ajudar-te a começar a poupar mais a partir de hoje – o Dia Mundial da Poupança:

  1. Lâmpadas economizadoras por toda a casa vão reduzir a fatura da eletricidade;
  2. Conduzir de forma mais suave leva mais tempo a chegar mas mais dinheiro para poupar;
  3. Utilizar os transportes públicos é (quase) sempre mais económico e permite que aproveites o tempo para as tuas leituras ou outras distrações;
  4. Dividir despesas do automóvel com colegas do trabalho é mais ecológico, mais barato e ajuda ao convívio;
  5. Comprar produtos em 2ª mão não é vergonha para ninguém;
  6. Renegociar pacotes de telecomunicações e dívidas com os credores dá trabalho mas é possível;
  7. Utilizar máquina de lavar só quando estiver cheia é mais económico e dá mais anos de vida ao equipamento;
  8. Procurar espaços de entretenimento gratuito é saudável e evita as tentações presentes nos centros comerciais;
  9. Levar refeições para o trabalho é uma logística que precisa de habituação, mas que traz grandes poupanças anuais;
  10. Ir às compras com uma lista feita em casa e sem estar com fome faz com que não compres mais do que realmente precisas.  

Aceita o desafio de fazeres a tua lista de 10 formas de poupança e partilha-a com os teus amigos. Todos temos a aprender com os exemplos dos outros!

Bom Dia Mundial da Poupança!