Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Smartphones conquistam portugueses: acesso móvel à internet é oito vezes maior que há 10 anos

Marktest
Marktest
Autor: Redação

O acesso móvel à internet é hoje oito vezes superior ao observado há 10 anos. Esta é uma das conclusões a retirar do estudo 2020 Bareme Internet, divulgado recentemente pela Marktest. Segundo o mesmo, “de uma modesta penetração de 9% em 2010, esta plataforma foi paulatinamente subindo ano a ano, até ultrapassar o PC, em 2018. E, chegados a 2020, destaca-se na liderança, com mais de 10% à frente do anterior líder”. 

Pelo terceiro ano consecutivo, recorda o estudo, o smartphone é a plataforma preferida de acesso à internet (72%), continuando a aumentar a distância para o anterior líder, o PC, que desde 2010 tem uma taxa de penetração a rondar os 60%. 

“Mas, as mudanças no pódio não se ficam por aqui e também no terceiro lugar há sinais de mudança, depois de um longo período de ocupação pelo tablet. Esta plataforma mobile, que teve o seu melhor ano em 2016 (28%), perde agora em favor da SmartTV, dado 25% dos portugueses afirmarem já ter possibilidade de aceder à Internet pelo grande ecrã. A SmartTV revela-se assim uma plataforma emergente também para a internet”, lê-se no site da Marktest.

De referir ainda que, independentemente das plataformas usadas para aceder ao “universo” online, o estudo revela que está a haver “uma progressiva massificação” do acesso à internet: 76% dos portugueses com 15 e mais anos acedem com qualquer frequência em 2020, mais 1% que no ano passado.