Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Clérigos 82 vende 16 apartamentos exclusivos no coração do Porto

Clérigos 82
Clérigos 82
Autor: Elisabete Soares (colaborador do idealista news)

Os cuidados colocados na reabilitação de cada um dos 16 apartamentos do Clérigos 82 – localizado na Rua dos Clérigos, muito próximo da Torre e Igreja dos Clérigos –, transformando cada tipologia num exclusivo, fazem dele um produto especialmente vocacionado para o mercado internacional. Estará concluído dentro de 12 a 16 meses.

Os 16 apartamentos, de tipologias T0 e T1, com áreas de 52 a 70 metros quadrados (m2), e preços a partir de 383.554 euros, resultam da reabilitação de dois edifícios, com uma fachada comum de estilo barroco, construídos em finais dos séculos XVIII e princípios do XIX, sendo, por isso, um dos mais antigos desta rua. 

Clérigos 82
Clérigos 82

O edifício, que tem quatro pisos e duas lojas ao nível do rés do chão, representa um investimento de 5,5 milhões de euros.

Forte aposta na comercialização

O Clérigos 82 destaca-se pela grande aposta colocada na comercialização, reunindo em co-exclusividade as consultoras Luximo's Christie's, JLL e Predibisa. 

O desenvolvimento do Clérigos 82 assenta sobre três conceitos de apartamentos distintos: “Riverside, situados na frente do edifício, Gardens, localizados na fachada tardoz do empreendimento, e Rooftop, que apresentam uma tipologia de exceção na cobertura e, por isso, dispõem de varandas com a melhor vista sobre a cidade”. 

Qualidade do projeto e acabamentos

Na apresentação do empreendimento Clérigos 82, feita recentemente, foram dados a conhecer os pormenores da reabilitação, em que se destaca a singularidade do projeto e o total empenhamento na qualidade da reabilitação.

Clérigos 82
Clérigos 82

O objetivo desta reabilitação é devolver ao edifício os traços e a linguagem arquitetónicos característicos das casas do Porto da época e, ao mesmo tempo, atribuir aos seus interiores o conforto e qualidade do modelo de habitação contemporâneo.

De destacar, ainda, “a singularidade deste projeto e o excelente exercício de reabilitação do edifício histórico que preserva a beleza arquitetónica da fachada original, com a elegância clássica das janelas e elevado pé direito”.

A assinatura do projeto é do atelier de arquitetura Menos é Mais. Na opinião de Francisco Vieira de Campos, arquiteto responsável pelo projeto, o carácter do edifício mantém-se e não se nota a intervenção do estúdio de arquitetura. “Seguimos uma estratégia da invisibilidade”, adianta.

Materiais nobres e desenhos singulares

Com pavimentos em soalho de sucupira nas entradas, salas, quartos e cozinhas, os apartamentos apresentam as paredes estucadas e pintadas sobre alvenaria e tetos em gesso com sancas e frisos decorativos.

Clérigos 82
Clérigos 82

Nas casas de banho destaca-se os pavimentos em mármore Carrara, e nas cozinhas os eletrodomésticos de gama superior.

O Clérigos 82 está em fase inicial de obra, prevendo o promotor que “dentro de 12 a 16 meses”, esteja concluído.