Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Assim será o Cinema Batalha no Porto após uma reabilitação de 4,6 milhões

Wikimedia commons
Wikimedia commons
Autor: Redação

O concurso para a reabilitação do Cinema Batalha, no Porto, foi publicado dia 16 de abril de 2019 em Diário da República. O valor base é de 4,6 milhões de euros e o prazo de execução é de 600 dias (20 meses). As candidaturas estão abertas até às 17 horas do dia 6 de maio.

O anúncio da “empreitada de obras públicas” lançada pela Câmara Municipal do Porto (CMP) através da empresa municipal Go Porto fixa em 21 dias o prazo para a apresentação das propostas de reabilitação do equipamento, que foi construído na década de 1940.

“A intervenção no edifício, em que a vertente da arquitetura assume grande preponderância, contempla a reformulação e remodelação do Cinema Batalha, com trabalhos profundos ao nível da estrutura, da reabilitação das superfícies (pavimentos, paredes e tetos), das coberturas e elementos funcionais e da construção e instalação de novos equipamentos, acessos e redes”, lê-se no site Porto., o portal de notícias da CMP.

Segundo a autarquia, a “conhecida Sala Bebé dará lugar a uma sala polivalente com bar e outras valências sociais”. “Em substituição, será construída uma sala-estúdio na parte posterior do segundo balcão, com capacidade para cerca de 150 pessoas. A plateia deverá manter os 346 lugares e a tribuna contará com 222”.

O projeto de arquitetura está a cargo do arquiteto Alexandre Alves Costa e do Atelier 15 Arquitectura. A empresa municipal GO Porto, entidade promotora, recebe as candidaturas ao concurso até às 17 horas do dia 6 de maio, em formato eletrónico, através da plataforma www.acingov.pt, onde poderão ser também consultadas as peças do concurso.