Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Concurso público

Últimas notícias sobre "Concurso público" publicadas em idealista.pt/news

Novo terminal em Sines vai custar 642 milhões - concurso de concessão a privados lançado hoje

A construção do novo terminal de contentores do Porto de Sines vai implicar um investimento na ordem dos 642 milhões de euro e as obras da futura infraestrutura deverão estar concluídas em 2024. O concurso público internacional para a concessão do chamado Terminal Vasco da Gama, em regime de serviço público, é hoje formalmente lançado pelo Governo.

Notícia sobre:

Assim será o Cinema Batalha no Porto após uma reabilitação de 4,6 milhões

O concurso para a reabilitação do Cinema Batalha, no Porto, já foi publicado em Diário da República. O valor base é de 4,6 milhões de euros e o prazo de execução é de 600 dias (20 meses). As candidaturas estão abertas até dia 6 de maio.

Notícia sobre:

EPAL lança concurso para construir edifício icónico junto às Amoreiras

A EPAL pretende construir um edifício que seja uma referência arquitetónica na entrada de Lisboa, junto às Amoreiras. Para isso, a Empresa Portuguesa das Águas Livres está a promover um Concurso Público para a Elaboração do Projeto do conjunto edificado, cujo prazo de entrega das propostas termina no dia 21 de agosto.

Notícia sobre:
O Forte do Guincho, em Cascais, é um dos 30 imóveis que integram a lista.

Os 30 monumentos nacionais que vão para as mãos dos privados

Estão definidos os 30 imóveis do Estado que vão a concurso para se converterem em projetos turísticos. Em causa está o Programa Revive, que obrigará os respetivos vencedores (privados) a recuperarem os imóveis, que estão abandonados. Na lista encontra-se, por exemplo, o Quartel da Graça em Lisboa, o Forte de São Pedro no Estoril, o Santuário do Cabo Espichel em Sesimbra, o Forte do Guincho em Cascais e o Convento de São Paulo em Elvas, que será transformado em hotel.
Notícia sobre:

Segurança Social lança concurso para venda de sete imóveis devolutos em Lisboa

O Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social (IGFSS) abriu um concurso para a venda de sete imóveis devolutos em Lisboa. Em causa estão quatro prédios urbanos e três terrenos e o prazo limite para a receção de propostas é o próximo dia 22 de abril.

Notícia sobre:

Lisboa: Reabilitação do Pavilhão Carlos Lopes custa 4,7 milhões

A reabilitação do Pavilhão Carlos Lopes, em Lisboa – localizado junto ao Parque Eduardo VII –, deverá custar 4,7 milhões de euros (mais IVA), de acordo com o contrato publicado no portal Base. As obras devem estar concluídas no prazo de 10 meses, segundo o estabelecido no concurso público lançado pela Associação de Turismo de Lisboa e ganho pela empresa Ramalho Rosa Cobetar.

Notícia sobre:

Lisboa: obras na Segunda Circular passam a custar 13 milhões mas vão demorar menos tempo

A Câmara Municipal de Lisboa volta a debater quarta-feira a requalificação da Segunda Circular, projeto que surge com algumas alterações e “melhorias” após apreciação pública e cujo orçamento passou de 10 para 13 milhões de euros. Já o prazo da obra, que deve ter início em junho, passou de 10 para oito meses.

Notícia sobre:

Infraestruturas de Portugal lança concurso para eletrificação da Linha do Minho

A Infraestruturas de Portugal (IP) aprovou o lançamento da empreitada de eletrificação da Linha do Minho, no troço entre Nine e Viana do Castelo, com um valor base de concurso de 21,5 milhões de euros.

Notícia sobre:

Entre oito e dez Pousadas da Juventude privatizadas este ano

Já são conhecidos os resultados da segunda fase do concurso lançado pelo Governo para a concessão das Pousadas de Juventude, cuja entrega de propostas terminou a 31 de agosto: houve quatro interessados para três pousadas, a de Viseu, Vilarinho das Furnas e Penhas da Saúde. Na primeira fase foram adjudicadas duas propostas, sendo que o Executivo quer privatizar entre oito e dez pousadas até final do ano.

Notícia sobre:

Alqueva: investidores estrangeiros andam ali à procura de terrenos para comprar ou concessionar

O novo foco dos investidores estrangeiros é o Alqueva. O objetivo é comprar ou concessionar terrenos agrícolas na área de regadio da barragem. Na corrida há árabes, norte-americanos, chilenos e outros países da América do Sul, que têm estado em contacto com a EDIA - Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas de Alqueva, que funciona como intermediária dos negócios entre os agricultores e os proprietários.

Notícia sobre: