Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Vistos Dourados atraem estrangeiros a comprar casa no Troiaresort

Autor: Redação

Estão a aumentar as vendas de casas em Tróia no Troiaresort, empreendimento turístico localizado na freguesia do Carvalhal. “Fechámos o ano passado com 39 escrituras, foi um ano muito bom se compararmos com a crise desde 2010 até 2012, que foram anos muito penalizadores para qualquer projeto em Portugal”, disse João Madeira, diretor-geral da unidade, revelando que só nos primeiros três meses deste este ano já foram assinadas 21 escrituras

O responsável adiantou que o sucesso alcançado deve-se, também, à “política” de concessão de Vistos Gold (Vistos Dourados/Golden Visa), que são atribuídos a cidadãos extracomunitários que comprem casas por mais de 500 mil euros.

“Notámos alguma retoma em 2013 fruto, quase na totalidade, do peso do mercado internacional, embora o nacional tenha algum contributo”, referiu, em declarações ao Diário Económico. “No primeiro trimestre já fechámos 21 escrituras, o que comparando com o ano inteiro [em 2013 foram assinadas 39] deixa em aberto que a perspetiva é de fazermos melhor”, acrescentou.

Além do atual número de escrituras sobre unidades imobiliárias, estão já assinados oito contratos promessa de compra e venda e oito reservas. Ou seja, até à data, já foram vendidas 288 unidades de imobiliário, do total de 450 unidades que constituem a oferta de imobiliário do Troiaresort (composto por apartamentos, moradias “Ocean Village”, “villas” e lotes para construção.

Sobre a importância dos Vistos Gold no negócio do Troiaresort, João Madeira é peremtório: “Tem sido a atração relacionada com o Visto Gold que tem tido impacto também em Troia. A medida de Autorização de Residência para Investimento tem sido um dos fatores que tem conseguido gerar bastante procura em Troia”.