Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Deloitte fecha quatro escritórios no Reino Unido e põe 500 pessoas em teletrabalho permanente

A gigante de auditoria e consultoria irá fechar portas em Gatwick, Liverpool, Nottingham e Southampton.

Imagem de Squirrel_photos por Pixabay
Imagem de Squirrel_photos por Pixabay
Autor: Redação

A Deloitte anunciou o encerramento de quatro dos seus cinquenta escritórios no Reino Unido, face ao contexto da pandemia do novo coronavírus. Aquela que é considerada uma das quatro maiores empresas de auditoria e consultoria do mundo - apelidadas de “Big 4” -, irá fechar portas em Gatwick, Liverpool, Nottingham e Southampton, onde trabalham cerca de 500 pessoas. Todas irão ficar com um contrato de teletrabalho permanente.

"A Covid-19 acelerou o nosso programa de trabalho futuro, levando-nos a rever o nosso portfólio de imóveis", disse Stephen Griggs, sócio-gerente da Deloitte no Reino Unido, citado pela Business Insider. O responsável garantiu ainda que todos os trabalhadores vão manter os seus postos de trabalho, sem qualquer alteração nos contratos de trabalho, e que esta decisão em nada irá interferir com a atividade da consultora naquelas zonas do país.

Recorde-se que a pandemia mudou a vida profissional de milhões de pessoas em todo o mundo, muitas das quais mudaram-se dos escritórios para trabalhar em casa, reduzindo assim a necessidade de procura por estes espaços. Algumas empresas optaram por não renovar contratos de arrendamento - o caso do Pinterest - e outras, pelo contrário, como os casos da Google e Faceebok, estão à procura de edifícios com maior capacidade de adaptação às novas regras.