Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Deco Alerta: Férias descansadas com a casa segura

Gtres
Gtres
Autor: Redação

Os cuidados a ter com a casa durante as férias são o nono tema da Deco Alerta. Destinada a todos os consumidores em Portugal, esta rubrica semanal é assegurada pela Deco - Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor para o Idealista News Portugal.

Envia a tua questão para a Deco, por email para gcabral@deco.pt ou por telefone para 00 351 21 371 02 20.

Sair de casa para gozar as merecidas férias pode ser uma preocupação acrescida. Para manteres a casa segura não precisas de gastar uma fortuna em alarmes e sistemas de vigilância. Prevenir os perigos não custa nada e é eficaz. 

O número de assaltos a casas fechadas durante o período do verão é sempre assustador. Saber que tens porteiro à entrada do edifício ou a vigilância policial não representam qualquer proteção extra, se não adotares um comportamento preventivo. Hábitos como fechar a porta e dar a sensação de manter a casa habitada nas ausências podem fazer a diferença e reforçar muito a segurança da tua casa. Não deixes mensagem no correio de voz do telefone a informar que estás de férias e evita destacá-lo nas redes sociais.

Quando saíres verifica portas e janelas e tranca todas as entradas. Nunca abras a porta sem confirmar quem está do outro lado. Durante ausências prolongadas, é importante criar a ilusão de movimento em casa. Podes pedir a um vizinho para abrir e fechar estores ou cortinas e luzes e esvaziar a caixa do correio. Por isso é muito importante que promovas as relações de vizinhança. Se ainda não és próximo de nenhum vizinho, podes investir algum dinheiro e comprar um temporizador que liga e desliga as luzes e aparelhos por alguns períodos dando a sensação de que a casa está habitada.

No caso específico dos prédios é essencial que o condomínio defina regras como manter as portas de entrada fechadas e não abrir a porta a estranhos. Uma boa iluminação do edifício é fundamental, sobretudo junto das entradas e no acesso à garagem. Investir em câmaras com gravação, nas portas de acesso e hall de entrada, garagens e elevadores aumenta a segurança e colocar avisos visíveis de que o prédio é vigiado com gravação ajuda a evitar tentativas de intrusão também pode ser uma ajuda preciosa para a segurança das casas. 

Comprares uma boa fechadura para a porta de entrada é medida importante e tal não significa um custo muito elevado. As nossas recentes pesquisas provam que podes encontrar uma fechadura eficaz e resistente por preços abaixo dos 50 euros. As fechaduras de segurança de sobrepor duas trancas são muito utilizadas por quem quer manter a porta original e procura apenas mudar a fechadura velha. Este é um bom investimento!

Comprar um alarme é, ainda, outra solução 

O modelo compacto é simples e barato. Trata-se de uma só caixa que emite um som quando deteta movimentos ou a abertura da porta, consoante o detetor, não gravando imagens, nem controlando à distância, mas seguro. O modelo de alarme mais procurado é o sem fios, pela sua fácil instalação e pelo preço acessível. Deve ser aplicado num sítio central da casa para comunicar com todos os detetores. Estes aparelhos comunicam com a central via rádio frequência. O alarme com fio é a melhor solução para uma casa em construção, embora o preço seja mias elevado e sejam menos versátil do que os sistemas sem fio. 

O ideal para teres uma casa mais segura será combinares as várias medidas de segurança e agires com precaução. Não arrisques e não faças uso do provérbio “depois de casa roubada trancas à porta”.