Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Bairro das Artes no Porto vai ter novo condomínio residencial de luxo com 14 apartamentos

O condomínio residencial tem 14 apartamentos, de tipologias T1 e T2 / Luximo’s Christie´s International Real Estate
O condomínio residencial tem 14 apartamentos, de tipologias T1 e T2 / Luximo’s Christie´s International Real Estate
Autor: Elisabete Soares (colaborador do idealista news)

Um palacete do séc. XIX -  foi residência de uma família da burguesia abastada do Porto - está a ser transformado num condomínio residencial de luxo com 14 apartamentos, de tipologia T1 e T2. O empreendimento que vai ocupar o edifício número 135 da Rua Adolfo Casais Monteiro, junto ao conhecido bairro das Artes, na Invicta, está a ser comercializado pela Luximo’s Christie's International Real Estate, que apresenta o projeto esta quarta-feira (17 de julho de 2019) à sua carteira de clientes nacionais e internacionais.

O imóvel histórico foi durante alguns anos sede de uma das maiores gráficas do Porto, a Simão Guimarães, Filhos Lda., que aqui albergava as máquinas de impressão de grande porte – estava devoluto há vários anos e já em avançado estado de degradação.

O imóvel devoluto há anos e em avançado estado de degradação / Elisabete Soares
O imóvel devoluto há anos e em avançado estado de degradação / Elisabete Soares

Preços vão de 236 mil a 537 mil euros

O edifício encontra-se em fase de reabilitação e tem a conclusão prevista para finais de 2020, sendo que o investimento é assegurado por uma empresa de capitais nacionais. Apresenta preços que vão dos 236 mil euros (T1, com 59 m2), até aos 537 mil euros (T2 duplex, com 125 m2), que se distribuem por quatro pisos, do piso 0 ao piso três. Neste momento, um dos apartamentos T2, localizado no piso 0, já está vendido.

Uma parte significativa dos apartamentos apresenta pátios e terraços, com áreas que vão dos cinco aos 20 m2.

Apartamentos citadinos que seguem a tendência da Baixa

Segundo a consultora, a localização – perto do renovado Palácio de Cristal, que abrirá em breve como Pavilhão Arena Super Bock Rosa Mota, e do conhecido quarteirão de Miguel Bombarda, onde abundam galerias de artes e inúmeros projetos de autor -, vai corresponder às expectativas de quem procura estar próximo do comércio, dos serviços, das principais atrações turísticas e da vida cultural da cidade.

As traseiras do futuro imóvel, depois de reabilitado / Luximo’s Christie´s International Real Estate
As traseiras do futuro imóvel, depois de reabilitado / Luximo’s Christie´s International Real Estate

“São apartamentos citadinos que, seguindo a tendência na Baixa do Porto, se destacam pelo luxo e pelo conforto, mas também pela sua inscrição em edifícios históricos da cidade, sempre cuidadosamente reabilitada, mas que mantêm a traça arquitetónica original na fachada”, salienta Ricardo Costa, CEO da Luximos´s.

O responsável destaca ainda que “os apartamentos conjugam a qualidade da construção com acabamentos contemporâneos”, frisando que o empreendimento apresenta “áreas interiores e exteriores muito modernas e funcionais, beneficiando de uma excelente exposição solar”.

Áreas comuns “cuidadosamente desenhadas”

Ricardo Costa refere, também, que seguindo a tendência atual do segmento premium no centro do Porto, este condomínio “apresenta áreas comuns cuidadosamente desenhadas, como o jardim e o pátio interior, sendo que algumas frações apresentam também áreas privadas exteriores, sob a forma de pequenos jardins ou terraços”.

Na opinião do consultor, este tipo de investimento imobiliário faz todo o sentido numa cidade como o Porto que assiste a um desenvolvimento sem qualquer paralelo na sua história, e que não tem cessado de atrair visitantes, estudantes e investidores e, consequentemente, de conquistar prémios.

O novo condomínio privado do bairro das Artes disponibiliza garagem para as tipologias T2, que são 11 no total.

A aposta em acabamentos de qualidade

De acordo com as informações da consultora, a qualidade dos acabamentos obedece aos requisitos dos moradores mais exigentes. “Neste sentido, todos os apartamentos possuem vidros duplos de alta correção acústica e térmica, soalho em carvalho, carpintarias e móveis lacados, mármore de Estremoz nas casas de banho e cozinhas exaustivamente equipadas: todas estão apetrechadas com forno, exaustor, placa vitrocerâmica, máquina de lavar e secar roupa de marca de referência”, frisa a Luximo’s.

Interior dos apartamentos / Luximo’s Christie´s International Real Estate
Interior dos apartamentos / Luximo’s Christie´s International Real Estate

Acrescenta ainda que “as salas e os quartos estão dotados de aquecimento central por pavimento radiante”. O condomínio residencial terá ainda um jardim privado, “o que representa um luxo quase excêntrico em pleno centro da cidade”, refere a consultora.