Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Os 10 municípios mais baratos (e mais caros) para comprar casa em Portugal

As discrepâncias de valores entre os municípios chegam a ultrapassar os 3.000 euros, segundo dados divulgados pelo INE.

Castelo de Vide está no top 10 dos municípios mais baratos  / Jocelyn Erskine-Kellie via Flickr/ 2.0 Generic (CC BY-SA 2.0)
Castelo de Vide está no top 10 dos municípios mais baratos / Jocelyn Erskine-Kellie via Flickr/ 2.0 Generic (CC BY-SA 2.0)
Autor: Redação

O preço mediano das casas em Portugal voltou a subir no terceiro trimestre de 2019, fixando-se nos 1.054 euros por metro quadrado (m2). Lisboa é a rainha dos preços altos, sem surpesas, com valores quase três vezes superiores à mediana nacional, com o m2 a superar os 3.200 euros. As discrepâncias acentuam-se, de resto, se olharmos para os restantes municípios do país – há locais onde os preços não vão além dos 200 por m2. Comprar uma casa por um valor “mais em conta” é possível, por exemplo, em Sernancelhe, onde o preço do m2 se fica pelos 194 euros.

Com base nos dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), divulgados esta quarta-feira, 29 de janeiro de 2020, decidimos elaborar a lista dos 10 municípios mais baratos ( e também mais caros) para comprar uma casa em Portugal. E antes disso, uma pequena curiosidade: o preço do m2 não ultrapassa os 300 euros em nenhum dos concelhos mais acessíveis.

Top 10 municípios mais baratos

Município Preço por m2 
Sernancelhe 194 euros
Oleiros 210 euros
Pinhel 214 euros
Santa Cruz da Graciosa 218 euros
Almeida 232 euros
Tabuaço 243 euros
Castelo de Vide 244 euros
Vila Velha de Rodão 245 euros
Freixo de Espada Cinta 247 euros
Penamacor  247 euros

Top 10 municípios mais caros

Município Preço por m2 
Lisboa 3.205 euros
Cascais 2.529 euros
Oeiras  2.211 euros
Loulé 2.089 euros
Albufeira 1.894 euros
Lagos 1.875 euros
Tavira  1.804 euros
Porto 1.802 euros
Odivelas 1.718 euros
Lagoa  1.662 euros