Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Espanha

Últimas notícias sobre "Espanha" publicadas em idealista.pt/news

Onarc

Esta casa pré-fabricada “nasceu" da incubadora do dono da Mercadona e é ideal para estar no campo

Notícia sobre:

Estrangeiros continuam interessados em comprar casa no litoral de Portugal, Espanha e Itália

O sul da Europa continua atraente para os investidores estrangeiros, apesar do impacto da pandemia do novo coronavírus no mercado imobiliário. Analisámos a oferta e a procura de habitação nas zonas costeiras de Portugal, Espanha e Itália, com as estatísticas do idealista/data do terceiro trimestre de 2020, onde o bom clima e a praia continuam a atrair estrangeiros para comprar uma casa. Entre junho e setembro, EUA, Reino Unido e Alemanha, destacaram-se como países mais ativos na procura de propriedades localizadas junto à costa.

Notícia sobre:
Há três tipos de "carros colemia"

Dormir numa carrinha por 150 euros por mês? Polémico serviço chega a Espanha

Desengane-se quem pensava que 2020 poderia não surpreender (ainda) mais. Pagarias 150 euros por mês para dormir numa carrinha, numa espécie de carro-quarto? A oferta existe agora nas cidades espanholas de Madrid e Barcelona, sendo a última invenção do polémico criador da empresa Haibu 4.0 - conhecido por ter importado também as chamadas “casas colmeia” (ou casas-cápsulas) para o país vizinho. 

Notícia sobre:

Icónica Casa Batlló em Barcelona de portas fechadas devido a atos de vandalismo

A conhecida Casa Batlló, um edifício modernista de Antoni Gaudí localizado no centro histórico de Barcelona – uma das atrações turísticas da cidade espanhola –, fechou ao público esta quinta-feira (29 de outubro de 2020), na sequência de atos de vandalismo e de uma greve decretada pelo sindicato Solidariedade e Unidade dos Trabalhadores (SUT).

Notícia sobre:

EDP Renováveis vende sete parques eólicos em Espanha à Finerge – negócio ronda os 426 milhões

A EDP Renováveis (EDPR) assinou um contrato com a Finerge S.A., um dos maiores produtores de energia renovável de Portugal, para a venda da totalidade da sua participação acionista numa carteira de parques eólicos terrestres em operação, com uma capacidade instalada de 242 MW. O negócio ronda os 426 milhões de euros.

Notícia sobre:
O imóvel visto do exterior

Assim é o Greenspace, um edifício de escritórios com consumo de energia quase nulo em Espanha

Notícia sobre: