Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Bancos continuam a abrir a torneira do crédito à habitação em plena pandemia

Dados do Banco de Portugal permitem concluir que o 'stock' dos empréstimos para a compra de casa voltou a subir em outubro.

Gtres
Gtres
Autor: Redação

O 'stock' dos empréstimos concedidos pelos bancos aos particulares para efeitos de crédito à habitação voltou a subir em outubro, em plena pandemia, para 94.237 milhões de euros. Trata-se do valor mais elevado desde fevereiro de 2017 e acima dos 93.998 milhões de euros de setembro e dos 93.309 milhões de euros de outubro de 2019. Os dados são do Banco de Portugal (BdP) e revelam que o conjunto total de financiamentos aos particulares aumentou para quase 120.042 milhões de euros, o valor mais elevado desde novembro de 2015.

Segundo a Lusa, que se apoia em dados do BdP divulgados esta quinta-feira (26 de novembro de 2020), o ‘stock’ dos empréstimos concedidos pelos bancos aos particulares em outubro (de 120.041,5 milhões de euros) compara com 119.831 milhões de euros em setembro e perto de 118.662 milhões de euros em outubro de 2019.

No crédito ao consumo, os valores de outubro apontam para um stock de perto de 19.278 milhões de euros, acima de setembro (19.255 milhões de euros) e do mês homólogo de 2019 (18.382 milhões de euros).

Já os empréstimos para outros fins totalizavam 6.527 milhões de euros em outubro, menos 51,5 milhões de euros que em setembro e abaixo dos quase 6.970 milhões de euros de outubro do ano passado.

No que diz respeito ao crédito malparado no crédito à habitação, manteve-se em outubro nos 0,7%, o mesmo valor de setembro e abaixo dos 1,1% do mesmo mês do ano passado. Já no crédito ao consumo e outros fins, o malparado representava 6,4% em outubro, diminuindo face aos 6,6% de setembro e aos 7,4% de outubro de 2019.

Ainda segundo os dados divulgados pelo Banco de Portugal, os depósitos de particulares nos bancos residentes aumentaram dos 158,1 mil milhões de euros do final de setembro para 158,6 mil milhões de euros no final de outubro.