Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

As 10 entidades que mais benefícios fiscais receberam de IMT em 2018...

Estado concedeu cerca de 2,3 mil milhões de euros em benefícios fiscais. IMT está no pódio.

Observador
Observador
Autor: Redação

O Estado concedeu cerca de 2,3 mil milhões de euros em benefícios fiscais em 2018. A maior fatia destes benefícios corresponde a isenções ou reduções da taxa de IRC paga sobre os lucros das empresas. O pódio fica completo com os impostos especiais sobre o consumo e o Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (IMT).

Segundo o Observador, que se apoia em dados da Autoridade Tributária e Aduaneira (AT), o IMT – uma despesa obrigatória quando se compra casa – foi o imposto que registou maior crescimento nos benefícios fiscais concedidos no ano passado, que cresceram mais de 100 milhões de euros para 406,4 milhões de euros. Na lista dos 10 maiores beneficiários estão instituições bancárias, entre outras entidades.

Já os benefícios concedidos via IRC ascenderam a mais de 910 milhões de euros, um montante que é ainda assim inferior ao atribuído no ano anterior, cerca de 1.088 milhões de euros.

Observador
Observador