Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Edifício Areeiro 13 (ex-Registo Civil) foi comprado pela AG Capital e vai ter uso residencial

Google Maps
Google Maps
Autor: Redação

O edifício Areeiro 13, localizado na Praça Francisco Sá Carneiro 13, no Areeiro, em Lisboa, mudou de mãos, tendo sido vendido pela Imofundos – Sociedade Gestora de Fundos de Investimento Imobiliário, S.A. à AG Capital, que o irá transformar num projeto residencial. Foi ali que funcionou durante muitos anos o balcão de atendimento do Registo Civil.

Trata-se de um imóvel com 7 pisos acima do solo e que tem uma área bruta de construção total de aproximadamente 5.000 metros quadrados (m2), dos quais cerca de 3.700 m2 acima do solo, revela em comunicado a consultora imobiliária Worx, que liderou o processo de venda em representação da Imofundos. 

“A Worx foi capaz de garantir a maximização do valor do ativo através do contacto próximo com vários investidores, tanto nacionais como internacionais, que por sua vez tinham diferentes propósitos. Com os valores atingidos na área residencial, há um grande interesse por parte dos promotores nacionais e internacionais na conversão de edifícios de escritórios bem localizados em habitações de primeira linha. Este processo tem vindo a retirar stock menos qualificado de escritórios do mercado, aumentando a necessidade de novas promoções neste setor”, refere a empresa.

Para Pedro Valente, Capital Markets da Worx, este negócio “é um indicador importante de que em 2019 os investidores, quer internacionais como nacionais, e neste caso concreto os promotores imobiliários, continuam ativos no mercado e atentos a este tipo de operações a envolver a reabilitação com reconversão de uso de edifícios”.