Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Isabel dos Santos: dinheiro desviado da Sonangol investido em resort de luxo no Brasil

Polícia federal brasileira está a investigar a possibilidade de pelo menos cerca de 20 milhões de euros terem sido investidos em empreendimentos.

Mussulo Beach Clu / Via mussulo-beachclub.com.br
Mussulo Beach Clu / Via mussulo-beachclub.com.br
Autor: Redação

A polícia federal brasileira está a investigar a possibilidade de pelo menos 90 milhões de reais (perto de 20 milhões de euros) desviados da petrolífera Sonangol – até então liderada pela empresária Isabel dos Santos – terem sido investidos na construção de um edifício e de um "resort" de luxo no Brasil, no estado da Paraíba.

Segundo informações avançadas pela Agência Pública, citada pela Público, José Carlos de Castro Paiva, que foi durante 25 anos diretor-geral da Sonangol no Reino Unido, e um homem de confiança do ex-presidente angolano José Eduardo dos Santos, utilizou o dinheiro para construir o edifício Solar Tambaú (cerca de 4,3 milhões), na praia de Tambaú, e o resort de luxo Mussulo Beach Club, num investimento de 15,2 milhões de euros.  

A notícia surge depois de terem sido divulgados mais de 715 mil ficheiros que mostram como, através de vários esquemas financeiros, a mulher mais rica de África acumulou uma fortuna estimada em mais de dois mil milhões de euros. A longa investigação levada a cabo pelo Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação (ICIJ) detalha o esquema que lhe terá permitido desviar mais de 100 milhões de dólares (90 milhões de euros) para o Dubai entre maio e novembro de 2017.