Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Reabilitação urbana fecha semestre “em alta”

EJ Yao/Unsplash
EJ Yao/Unsplash
Autor: Redação

Os resultados do primeiro semestre do ano mostram que o mercado da reabilitação urbana está a viver um momento dinâmico. O nível de atividade aumentou 42,8% em junho face a igual período do ano passado e a carteira de encomendas cresceu 29,3%. Em causa está o Barómetro da Reabilitação Urbana, divulgado pela Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN).

Já a produção contratada em meses, ou seja, o tempo assegurado de laboração a um ritmo normal de produção, fixou-se em 7,6 meses, o que traduz uma subida de 2,4% em termos homólogos.

“Importa realçar que, nos primeiros seis meses de 2018, quer o Índice Nível de Atividade quer o Índice Carteira de Encomendas têm registado fortes crescimentos em termos homólogos, com variações mensais médias de 40,4% e 54,8%, respetivamente", sublinha a AICCOPN em comunicado.

No que diz respeito à carteira de encomendas, observou-se em junho um aumento de 29,3% em termos homólogos. Em termos mensais, em junho face a maio, o aumento foi de 4,7%.