Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

AICCOPN

A Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN) é uma associação de classe, de âmbito nacional, fundada em 1892. Tem como principal objectivo a promoção e desenvolvimento do sector da construção e a defesa dos interesses dos seus associados.

Setor da construção fecha 2020 a crescer 2,5%

O setor da construção fechou o ano 2020 a crescer 2,5%, tendo “vindo a demonstrar uma elevada resiliência aos constrangimentos causados pela pandemia da Covid-19”, revelam, em comunicado, as duas principais associações do setor, a AICCOPN e a AECOPS. Em causa está um acréscimo do valor bruto da produção do setor da construção para 13.739 milhões de euros.

Notícia sobre:

Consumo de cimento em máximos e licenciamentos recuam com a pandemia

Nos primeiros 10 meses de 2020, o consumo de cimento no mercado nacional aumentou 9,3% em termos homólogos, totalizando cerca de três milhões de toneladas. Trata-se de um volume que, a dois meses do final do ano, supera já o valor anual médio registado desde 2011. Em sentido inverso encontra-se o licenciamento municipal de edifícios habitacionais, que recuou 2,1% em termos homólogos, “em resultado de uma estabilização na construção nova e de uma contração de 8,8% nas obras de reabilitação licenciadas”, revelou a Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN).

Notícia sobre:

Obras públicas na pandemia: concursos sobem 20% até novembro e contratos crescem 12%

As obras públicas têm-se mantido em alta, em plena crise pandémica. Isto mesmo mostram os dados mais recentes da associação do setor: os concursos promovidos aumentaram 20% até novembro deste ano, face a igual período de 2019, enquanto os contratos celebrados subiram 12%, em termos homólogos.

Notícia sobre:

Segunda vaga da pandemia e incerteza económica condicionam evolução do setor da construção

O setor da construção civil e obras públicas tem-se mostrado resiliente à pandemia da Covid-19, com vários segmentos a darem resposta positiva à crise pandémica, como por exemplo o consumo de cimento, os licenciamentos e os concursos promovidos e contratos celebrados de empreitadas de obras públicas. Uma evolução, no entanto, que é “fortemente condicionada pelo significativo aumento da incerteza em torno do comportamento do atual surto pandémico e a possibilidade de ressurgimento de medidas restritivas, cujos impactos na economia poderão ser muito significativos no conjunto da atividade económica”, alertam duas das mais importantes associações do setor.

Notícia sobre:

Licenças de construção de habitação nova com “quebra menos intensa” – diminuem 2,5% até julho

Nos primeiros sete meses do ano, as licenças emitidas pelas autarquias para construção de habitação nova tiveram “uma quebra menos intensa que a registada nos meses anteriores, tendo-se apurado uma variação em termos homólogos acumulados de -2,5%”. No caso do licenciamento de fogos em construções novas, verificou-se também um decréscimo de 4,4% em termos homólogos, para um total de 13.456 habitações. Em causa estão dados divulgados pela Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN) e pela Associação de Empresas de Construção e Obras Publicas e Serviços (AECOPS).

Notícia sobre:

Licenciamentos de construção nova e reabilitação de edifícios habitacionais caem 3,9% até julho

Entre janeiro e julho, o número de licenças de construção nova e reabilitação de edifícios habitacionais emitidas pelas câmaras municipais recuou 3,9% em termos homólogos. Uma quebra que foi “menos intensa” porque em junho e julho verificou-se uma recuperação, conclui a Síntese Estatística da Habitação da Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN).

Notícia sobre:

Nível de atividade da reabilitação urbana com “ligeira melhoria” em agosto

Em agosto de 2020, o nível de atividade da reabilitação urbana registou uma variação menos negativa face aos decréscimos verificados nos últimos meses: diminuiu 7% quando comparado com o mesmo mês do ano passado, sendo que em julho tinha recuado 8% em termos homólogos. Em causa estão dados que constam no Barómetro da Reabilitação Urbana da Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN), que considera tratar-se de uma “ligeira melhoria”.

Notícia sobre:

Concursos de obras públicas promovidos crescem 20% até agosto – valor está em máximos de 10 anos

O valor dos concursos de obras públicas promovidos aumentou 20% até agosto, para 3.422 milhões de euros, face ao mesmo período do ano passado, revelou esta quarta-feira (23 de setembro de 2020) a Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN).

Notícia sobre: