Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Belmiro de Azevedo compra Aqualuz por um euro

Autor: Redação

A Aqualuz, empresa de Turismo e Lazer que tem vindo a acumular prejuízos, acaba de ser comprada à Sonae Capital pela "holding" pessoal do empresário Belmiro de Azevedo. A Efanor Investimentos do empresário nortenho pagou 1 euro, numa operação que terá um impacto negatívo de 1,11 milhões de euros sobre a empresa liderada pela sua filha, Cláudia Azevedo.

O preço pago pela Efanor Investimentos, SGPS, S.A. (sociedade do Grupo Efanor, que detém direta e indiretamente 62,6% do capital social da Sonae Capital), foi "objeto de avaliação de entidade terceira independente e o respectivo valor apurado com base na mesma", explica a Sonae Capital, em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), citado pelo Jornal de Negócios.

"A opção pela via da alienação da actividade de exploração desta unidade que, historicamente, tem apresentado resultados negativos, afigurou-se como a melhor alternativa de valorização do portfólio, uma vez que não foi possível encontrar, até à data, nem se vislumbram, no curto/médio prazo, soluções que permitam melhorar de forma significativa a rentabilidade da operação de Lagos", pode ler-se ainda.

O ativo imobiliário no qual a sociedade Aqualuz opera continuará, segundo explica o jornal, a ser propriedade do grupo Sonae Capital, mais concretamente da sua participada indireta Bloco Q - Sociedade Imobiliária, S.A., mantendo-se o contrato de arrendamento existente em vigor.