Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Fábrica da antiga Triumph vai a leilão por 5,7 milhões

Autor: Redação

Instalações, frota e equipamentos da antiga Triumph, agora insolvente, vão ser leiloadas dia 3 de maio, com um preço base de 5,7 milhões de euros. A fábrica, situada em Loures, foi encerrada e declarada insolvente no início do ano, levando ao despedimento coletivo de quase 500 trabalhadores.

A empresa alemã Triumph, que possuía uma fábrica em Sacavém, concelho de Loures, foi adquirida em setembro de 2016 pela empresa Têxtil Gramax Internacional (TGI), uma sociedade portuguesa de capital suíço, segundo a Lusa. Em janeiro, contudo, a fábrica foi declarada insolvente.

O valor base de licitação dos bens que agora vão a leilão é de 5,7 milhões, refere o catálogo da leiloeira LC Premium, responsável pela venda. No documento, publicado na página da internet, citado pela Lusa, a leiloeira explica que o objetivo é o de vender os bens no conjunto. Caso isso não seja possível, a venda será feita separando o imóvel dos bens móveis, que serão vendidos lote a lote.

Os problemas desta unidade fabril começaram em novembro de 2017, altura em que a empresa anunciou um processo de reestruturação que levaria ao despedimento de 150 pessoas. O processo de insolvência teve início já em janeiro deste ano, situação que motivou uma vigília de 20 dias à porta da fábrica, e que levou vários deputados, autarcas e sindicalistas ao local.