Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Falências

Últimas notícias sobre "Falências" publicadas em idealista.pt/news

Bens imobiliários da têxtil Coelima avaliados em 13,3 milhões – menos de metade da dívida

Os bens imobiliários da têxtil Coelima, sedeada em Guimarães, estão avaliados em 13,3 milhões de euros, segundo o auto de apreensão entregue no tribunal pelo administrador de insolvência da empresa, cujo processo se arrasta desde abril. O valor do ativo imobiliário, composto por 11 parcelas entre edifícios e terrenos, não cobre nem metade das dívidas de 29,5 milhões de euros identificadas na petição da insolvência, escreve o Público. Há duas propostas em cima da mesa para comprar a Coelima, da Felpinter e da Mundotêxtil.

Notícia sobre:

Dona do Zmar declarada insolvente – mas eco recort vai reabrir “em breve”

A dona e gestora do Zmar, a Multiparques A Céu Aberto, foi declarada insolvente em março – os credores podem reclamar os seus créditos até dia 12 de abril –, mas o eco resort localizado perto da Zambujeira do Mar deverá reabrir "em breve".

Notícia sobre:

Insolvências na construção aumentam 2,1% – e há muito menos empresas a nascer

O número de insolvências de empresas em Portugal aumentou 27,8% nos primeiros dois meses de 2020 face ao mesmo período do ano passado. Já as constituições caíram 20,1%, o que (também) não é uma boa notícia. O setor da Construção e Obras não escapa a este cenário, já que representava, em janeiro e fevereiro deste ano, 14% das insolvências (+2,1% que no período homólogo) e apenas 11% das constituições (-28,3% que no período homólogo).

Notícia sobre:

Novo Banco perdoa 24 milhões para salvar o maior produtor português de cogumelos

O maior produtor português de cogumelos, o grupo Sousacamp, esteve dois anos no corredor da falência, com dívidas de 60 milhões de euros, mas “sobreviveu” após um ‘haircut’ de 70% por parte da banca credora, com os comuns a perderem praticamente 100% dos seus créditos.

Notícia sobre:

Hard Club no Porto falido e cobiçado pelo Grupo Ferreira - mas Kalú e sócios não se entendem

Perto da insolvência, o Hard Club vive momentos difíceis que podem comprometer a sua viabilidade. A sala de espetáculos, localizada no Mercado Ferreira Borges do Porto, tem em curso um Processo Especial de Revitalização (PER) para tirar a empresa do buraco financeiro em que se encontra, mas as divergências entre os quatro sócios - Kalú, baterista dos Xutos & Pontapés é sócio-gerente - têm dificultado o processo.

Notícia sobre:

Operador turístico Thomas Cook anuncia falência e deixa cerca de 600 mil turistas sem apoio

Com 178 anos de atividade, o operador turístico britânico Thomas Cook anunciou falência, depois de não ter conseguido encontrar fundos necessários para garantir a sua sobrevivência. Entrará, por isso, em “liquidação imediata”.

Notícia sobre:

Nasceram 27.708 empresas em Portugal até julho, mais 10,6% que há um ano

Estão a nascer mais empresas em Portugal. Nos primeiros sete meses do ano foram constituídas 27.708 companhias, mais 10,6% que no mesmo período do ano passado. Um aumento que se deve sobretudo ao turismo, segundo um estudo da Informa D&B.

Notícia sobre:

Marca de mobiliário angolana Kinda Home vai abrir portas no Porto

A marca de mobiliário e decoração Kinda Home, que é detida pelo grupo português Nuvi e tem quatro lojas em Angola, vai abrir a sua primeira loja em Portugal, no caso no Porto, após um investimento de 20 milhões de euros.

Notícia sobre:

Estará a tua empresa ou negócio à beira do fracasso? Faz o teste (gratuito) e tira as dúvidas

Chama-se “À Prova de Fracasso” e é um teste gratuito que permite fazer a avaliação do risco de fracasso de um negócio já criado – ou de empresas já existentes – ou perceber qual é a viabilidade de um projeto. 

Notícia sobre:

Fábrica da antiga Triumph vai a leilão por 5,7 milhões

Instalações, frota e equipamentos da antiga Triumph, agora insolvente, vão ser leiloadas dia 3 de maio por 5,7 milhões de euros. A fábrica, situada em Loures, foi encerrada e declarada insolvente no início do ano, levando ao despedimento coletivo de quase 500 trabalhadores.

Notícia sobre: