Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

banco de portugal atento a regras de avaliação de imóveis da banca

casas na posse dos bancos rondam os 5.200 milhões
Autor: Redação

o banco de portugal (bdp) vai apertar as regras sobre a avaliação de imóveis que os bancos têm em balanço e que só nos cinco maiores grupos financeiros ascendem a mais de 5.200 milhões de euros. o objectivo da entidade liderada por carlos costa é criar condições para uma uniformização da avaliação destes activos e garantir que a sua valorização contabilística está ajustada aos objectivos da supervisão

de acordo com o jornal de negócios, que cita fonte oficial do bdp, o enquadramento aplicável à avaliação de imóveis está a ser objecto de revisão no âmbito do conselho nacional de supervisores financeiros (cnsf). “[as novas regras reconhecem] a importância de um regime [de avaliação] assente na certificação dos peritos avaliadores segundo um modelo uniformizado, em que se definam nomeadamente as condições de elegibilidade e registo dos peritos, as respectivas regras de conduta, de diversificação e de rotação”, explicou o bdp, salientando que “o projecto envolve ainda os temas da valorização contabilística, a qual deve ser ajustada aos objectivos da supervisão e da portabilidade das avaliações

notícia relacionada

casas na posse dos bancos rondam os 5.200 milhões de euros