Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Predipalma investe 25 milhões em empreendimento residencial no Porto - já vendeu 85% do Molares 20

O projeto de construção nova, localizado em Paranhos, será desenvolvido em duas fases com 100 apartamentos com preços a partir de 290 mil euros.

Predipalma
Predipalma
Autor: Elisabete Soares (colaborador do idealista news)

A Predipalma, empresa vocacionada para a construção e comercialização de bens imóveis no Grande Porto, já vendeu 80% do edifício residencial Molares 20 em Paranhos, cuja conclusão está prevista para agosto de 2022. O empreendimento é constituído por dois edifícios gémeos, o Molares 20 e o Molares 21, que no conjunto perfazem 100 apartamentos, representando um investimento total de 25 milhões de euros. As obras da segunda fase arrancam no próximo mês de março, devendo terminar em março de 2023. 

Ao idealista/news, Luís Gandra, sócio-gerente da Predipalma, destaca que o edifício, localizado na Rua da Telheira, no cruzamento com a Rua Nova do Tronco, Amial (freguesia de Paranhos), apresenta, neste momento, a construção a 40%.

Predipalma
Predipalma

“Este condomínio foi pensado há dois anos, mas com uma grande preocupação no bem-estar dos futuros proprietários”, indica, dando nota que “o empreendimento apresenta varandas com áreas que vão de 30 metros quadrados (m2) até 100 m2 e um conjunto significativo de equipamentos do condomínio, caso de piscina aquecida, campo de padel, basket, ténis, ginásio, parque infantil e área de jardim"

Além disso, segundo aponta o responsável, “a piscina será aquecida com painéis de tubo de vácuo, sem custo energético para os condóminos”.

Predipalma
Predipalma

O edifício apresenta “uma arquitetura sóbria e conceptual, que permite otimizar no máximo a área disponível, favorecendo a qualidade de vida dos seus ocupantes”. Em termos de acabamentos dos apartamentos, destaca-se a cozinha equipada com placa vitrocerâmica, forno e combinado encastrado; banheira hidromassagem na casa de banho da suite; quartos com roupeiros embutidos; aquecimento central com caldeira a gás natural e aplicação da domótica casas inteligentes, com a solução home protetor, entre outros. Tem também uma sala de condomínio com cozinha.

Predipalma
Predipalma
Predipalma
Predipalma

O edifício Molares é construído por tipologias T2, T2+1 e T3, cujos preços variam entre 290 mil euros (T2) e 475 mil euros (T3). As áreas vão desde os 130 m2, no caso dos T2, até aos 156 m2, nos apartamentos T3, e apresentam garagens individuais para um ou dois carros.

Novo projeto nasce em frente ao Fórum de Ermesinde

Luís Gandra destaca a “excelente localização” deste empreendimento Molares no Amial, “próximo de vias de acesso à autoestrada e rodeado por todo o tipo de infraestruturas de apoio, transportes públicos, comércio, lazer e serviços”.

A Predipalma está também a iniciar a construção de um novo edifício residencial, o Molares 22, em frente ao Fórum Cultural de Ermesinde.

Predipalma
Predipalma

O edifício Molares 22 terá 24 apartamentos e será um edifício com “charme, qualidade e arquitetura de referência”, destaca o responsável da promotora.

“O edifício, com um design contemporâneo, aposta na criação de um conjunto habitacional, com uma filosofia de condomínio fechado, pautado com infraestruturas exclusivas, caso de piscina, espaços pedonais, espaços ajardinados, arborização, salão de condóminos e estacionamento privado”, revela ainda.

Outros projetos na zona Norte

A Predipalma já construiu e vendeu mais de 440 apartamentos na zona de Ermesinde, constituídos por um conjunto de 17 empreendimentos com a designação de Edifícios Molares, que apresentam classe energética A.

Em Ermesinde tem também em construção um conjunto de outros projetos - junto à igreja do Bom Pastor, junto à Santa Rita e em Porto Carreiro - além do Edifício Molares 22. E vai ainda a iniciar a construção (durante o primeiro trimestre deste ano) de um empreendimento em Gaia, na primeira linha de mar, junto à Praia de Canidelo, tendo previstos projetos para Gondomar (Rio Tinto), Alfena (zona industrial) e S. Pedro Fins (zona industrial).

Na Maia, na Quinta do Mosteiro em Moreira, a Predipalma vai iniciar um novo projeto na segundo semestre deste ano.

No Porto, na zona do Estádio do Bessa, junto à Avenida da Boavista, a Predipalma tem em comercialização o Boavista Residence, um edifício que foi remodelado e já se encontra concluído, que apresenta 70% vendido”, destaca Luís Gandra.