Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Assim são os apartamentos do arranha-céus mais cobiçado de Nova Iorque

Cofundador da Alibaba Joe Tsai comprou uma casa de 2 andares por cerca de 133 milhões de euros.

Casas de luxo em Nova Iorque
Will Ellis of Donna Dotan
Autor: Redação

Em Nova Iorque (EUA), situa-se um arranha-céus com 290 metros de altura que está entre os mais cobiçados para comprar casa. Possui um total de 100 apartamentos distribuídos por 66 andares e ficou recentemente conhecido por ter sido o local escolhido pelo cofundador da Alibaba, Jose Tsai, para comprar uma casa de luxo de dois andares. No total, o magnata desembolsou 157 milhões de dólares, cerca de 133 milhões de euros à taxa de câmbio atual, o que a torna esta a terceira casa mais cara dos EUA. O interior desta casa do 220 Central Park South - assim se chama o arranha-céus -  permanece um mistério, mas desvendamos aqui alguma imagens de um apartamento semelhante no mesmo imóvel. 

Foi neste mesmo edifício que o fundador da Citadel, Ken Griffin, gastou 238 milhões de dólares em 2019 (quase 210 milhões de euros) para comprar um triplex. Este foi considerado o maior negócio residencial da história dos EUA na altura.

Segundo avança a CNBC, o cofundador da Alibaba, Joe Tsai, é o bilionário por detrás da nova transação, que já é considerada a terceira maior aquisição residencial do país. Em concreto, trata-se da compra do 60º andar por 82,5 milhões de dólares (70 milhões de euros) e do 61º andar, por 75 milhões de dólares (63,7 milhões de euros). A este negócio somou-se ainda um estúdio no 18º andar, que poderá ser usado pelos empregados do magnata, escreve o mesmo meio estadunidense.

Este arranha-céus continua a dominar o mercado de luxo da cidade de Nova Iorque, com as três principais vendas na cidade. Este edifício icónico foi desenhado pela mão do arquiteto americano Robert Stern e desenvolvido pela promotora Vornado Realty Trust.