Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

A importância da iluminação para criar ambientes decorativos

Autor: Redação

 

A iluminação é uma das etapas mais importantes num projeto de decoração. Hoje em dia dá-se bastante importância ao espaço iluminado, podendo este influenciar os nossos comportamentos. A luz interfere na produtividade dos funcionários de uma empresa, nas vendas numa loja e influi diretamente na motivação e na capacidade de concentração. 

No caso das residências, é muito importante analisar a faixa etária dos seus moradores, porque a acuidade visual, que é a capacidade de discriminar dois pontos próximos como elementos separados e que corresponde à nitidez da visão, decresce com a idade. Em média, uma pessoa idosa precisa quatro vezes mais de luz que um jovem. Uma boa escolha e distribuição da luz pode potenciar um espaço, tornando-o mais acolhedor e harmonioso para cada ambiente. A iluminação pode ser técnica, pontual ou decorativa, dependendo do objetivo final.

Deve-se pensar no bem estar das pessoas, iluminando adequadamente cada divisão e tirando o melhor partido de cada função.

Uma iluminação adequada aumenta o esquema de decoração em todas as divisões da casa. Deves ter uma mistura de fontes de luz em diferentes níveis para criar um ambiente agradável. E precisas de iluminação apropriada para cada tarefa que fazes nesse espaço (leitura, ver televisão, vestir-se, etc). Aqui estão alguns conselhos para cinco pontos-chave.

Sala
A iluminação da sala pode ser feita com luz geral, indireta ou luz pontual. A luz geral de teto é feita por meio de lustre, abajours calhas ou focos de luz, dependendo do ambiente que se quer criar: mais cénico ou minimalista. A iluminação indireta colocada em sancas espalha a luz para o teto ou paredes, dando ao espaço um ar mais subtil e discreto. A luz pontual cria espaços com focos de interesse mais tranquilos. Recomenda-se o uso de lâmpadas amarelas (trazem uma sensação de conforto) e “dimmers” para controlar a intensidade. Usa uma combinação de candeeiros de mesa e candeeiros de chão, alguns com um brilho para baixo e outros que brilham para cima, de forma a permitir a leitura em tantos lugares quanto possível.

Sala de jantar
Para tornar a mesa de refeições o centro da divisão, usa um lustre ou um pendente acima da mesa (afinal, a maior parte da ação acontece em torno da mesa). Noutros lugares na sala, a iluminação indireta ajuda a relaxar e é mais agradável. Dá ao espaço um brilho subtil com um par de pequenas lâmpadas de mesa sobre um aparador ou apliques de parede. Podes também iluminar o interior dos móveis, de forma a realçar as loiças decorativas.

Cozinha
As cozinhas são muitas vezes o centro da casa, incorporando muitas mais atividades que preparação das refeições. Concentra-te na iluminação e adiciona fontes inferiores para iluminar as superfícies de trabalho. Utiliza pingentes, lustres, iluminação decorativa para cima da mesa. A fonte de luz será mais difusa, mas vai cobrir uma área maior. A potência das lâmpadas pode ser reduzida para compensar o maior número de acessórios, e um sistema regulador vai torná-las mais adaptável para cada atividade. A regra básica para a altura de uma luz pendente é de 35/40 centímetros acima da superfície de trabalho.

Quarto
Apontar para uma atmosfera aconchegante e confortável. Coloca candeeiros de leitura ou pequenos apliques direcionáveis ao lado da cama. Usa os tetos ou paredes falsas com luz indireta para realçar o espaço em volta da cama ou a área de vestir. Numa mesa baixa, inclui um candeeiro pequeno e íntimo com uma lâmpada de baixo consumo de cor para imitar a luz de velas. A melhor luz para os quartos é geralmente a luz quente, que é mais repousante.

Casa de banho
A casa de banho deve ter duas intensões diferentes de luz, para o dia e para a noite. Na parte da manhã, a luz branca brilhante desperta e refresca enquanto à noite uma luz suave pode fornecer um humor-spa. A iluminação neste espaço deve ter, se possível, muita luz natural, que complementa a sobrecarga de iluminação para criar uma atmosfera convidativa. Espelhos mantém a luz em movimento em todo o espaço. A melhor opção para aplicar a maquilhagem é a iluminação lateral, como um par de apliques ou luz de acompanhamento do espelho. Uma luz no teto ajuda a preencher quaisquer sombras no teu rosto e também ilumina totalmente o quarto. Num grande espaço podes também querer ter uma luz diretamente sobre o chuveiro.

Texto e fotografias de: