Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Prestação da casa volta a baixar em novembro, mas com menor queda desde 2014

Autor: Redação

A prestação da casa vai voltar a baixar nos contratos de crédito à habitação revistos em novembro, o que se pode explicar com o facto das taxas Euribor continuarem em terreno negativo. Mas, no caso dos financiamentos agregados à Euribor a três meses, a queda na mensalidade é agora a menor desde junho de 2014.

Segundo as contas do Jornal de Negócios, considerando um crédito de 100.000 euros a 30 anos com um spread de 0,7% indexado à Euribor a três meses, a prestação a pagar na próxima revisão será de 294,43 euros, menos 0,21% que a mensalidade paga atualmente atualmente. Trata-se da menor diminuição desde junho de 2014, quando as prestações ainda aumentavam.

No caso dos empréstimos indexados à taxa Euribor a seis meses, a mais usada para efeitos de crédito à habitação em Portugal, como o período entre as revisões é maior também a redução será maior. Tendo em conta o mesmo cenário, a nova prestação será de 298,88 euros, menos 1,01% que o valor cobrado atualmente. De referir que num ano a queda na mensalidade supera os 3%.