Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Taxa de desemprego sobe para 7,8% – e população desempregada dispara 45,1%

INE
INE
Autor: Redação

A taxa de desemprego subiu em flecha em Portugal em tempos de pandemia, tendo-se fixado, no terceiro trimestre, em 7,8%, mais 2,2% e 1,7% que no trimestre anterior e no homólogo, respetivamente. Já a população desempregada foi estimada em 404,1 mil pessoas, mais 45,1% (125,7 mil) que no trimestre anterior, o que corresponde à taxa de variação trimestral mais elevada da série iniciada em 2011, e 24,9% (80,7 mil) face ao mesmo período do ano passado. Em causa estão dados divulgados esta quarta-feira (4 de novembro de 2020) pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

“A população empregada, 4 799,9 mil pessoas, aumentou 1,5% (68,7 mil) por comparação com o trimestre anterior, mas diminuiu 3% (147,9 mil) em relação ao homólogo. Simultaneamente, a população empregada ausente do trabalho na semana de referência diminuiu 24,4% (263,3 mil) em relação ao trimestre anterior e aumentou 6,5% (49,4 mil) relativamente ao terceiro trimestre de 2019. De modo semelhante, observou-se um acréscimo trimestral de 17,4% e uma redução homóloga de 7,2% do volume de horas efetivamente trabalhadas”, conclui o INE.

Segundo a agência de estatísticas, “o aumento da população empregada e da população desempregada observado no terceiro trimestre de 2020 pode ser parcialmente explicado pelo atual enquadramento social e económico associado à Covid-19 e refletiu-se
no aumento da população ativa e no (quase) equivalente decréscimo da população inativa, não podendo ser dissociado das dinâmicas particulares observadas no segundo trimestre deste ano”.