Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

parque escolar gastou cinco vezes mais que o previsto nas obras

cada obra custou 15,45 milhões de euros, quando o valor estimado rondava os 2,82 milhões
Autor: Redação

as obras da parque escolar, empresa pública responsável pela requalificação da rede pública de escolas, ficaram cinco vezes e meia mais caras que o valor orçamentado. segundo o diário económico (de), que se apoia em dados revelados pelo ministro da educação e ciência no parlamento, as obras tiveram um custo superior em 450% face ao estimado. nuno crato assegurou, tendo por base a auditoria pedida à inspecção geral de finanças, que cada obra realizada custou 15,45 milhões de euros, sendo que o valor estimado rondava os 2,82 milhões: um aumento de quase 13 milhões

de acordo com o de, esta terá sido uma das conclusões da auditoria. mas nem o ministério das finanças nem a o da educação quiseram divulgar mais pormenores da mesma. nuno crato revelou no parlamento, no entanto, que a auditoria mostra que a parque escolardeveria ter estabelecido tectos máximos do investimento para cada obra”, o que não aconteceu, pelo que “houve uma subida de custos muito elevada”. esta terá sido uma das razões do endividamento da empresa, que tinha previstas 332 intervenções em escolas