Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Seis bancos têm à venda quase 24 mil imóveis por 4,3 mil milhões de euros

Novo Banco é o banco com mais imóveis em carteira: são 5.962
Novo Banco é o banco com mais imóveis em carteira: são 5.962
Autor: Redação

Os preços das casas dispararam nos últimos tempos, apesar de o mercado estar a dar sinais de abrandamento, e é preciso aumentar a oferta de imóveis, sobretudo para a classe média. Seis dos maiores bancos portugueses têm ainda em carteira quase 24 mil imóveis para vender, na maioria casas.

Em causa está uma carteira de imóveis avaliada em 4,3 mil milhões de euros, segundo as contas do Dinheiro Vivo. O Novo Banco, o Montepio e o Millennium bcp têm cada um mais de 5.000 imóveis em “stock” que receberam de particulares e empresas que entraram em incumprimento, não pagando os seus empréstimos. Segue-se no ranking a Caixa Geral de Depósitos, com 4.289 imóveis em carteira.

Ainda assim, e comparativamente ao final de 2017, as carteiras de imóveis dos bancos “emagreceram”, graças a inúmeros leilões e a uma agressiva política de venda de malparado a fundos, escreve a publicação, salientando que saíram pelo menos 7.000 imóveis do balanço dos bancos. 

Nas carteiras dos bancos constam ainda empreendimentos por concluir, tendo os promotores entrado em dificuldades financeiras. Moradias inacabadas, complexos hoteleiros e lotes de terreno são exemplos de ativos que os bancos têm também à venda. Só o BCP tem no mercado dois complexos turísticos, o Choupana Hills, no Funchal, Madeira, e o Golf Praia da Marinha, no Algarve.

Imóveis em carteira de 6 dos maiores bancos portugueses:

Bancos Número (em unidades) Valor bruto
(em milhões de euros)
Santander Totta 2.718 293
CGD 4.289 386
BPI 614 52
Novo Banco 5.962 1.552
Montepio 5.258 829
BCP* 5.000 1.206
TOTAL 23.841 4.318

*Tendo em conta estimativa de analistas