Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

cavaco quer portugal a crescer já em 2013

quando deixar a presidência da república, cavaco silva não deverá poder juntar uma subvenção política às pensões
Autor: Redação

no mesmo dia em que o ministro da economia apontou 2012 como o ano do fim da crise, cavaco silva afirmou, na califórnia, que espera que no fim da execução do acordo de assistência, a concretizarem as previsões, em 2013 portugal já esteja mais competitivo e a crescer, embora - ressalvou - nem tudo "dependa apenas do nosso trabalho", cita o expresso

"seria muito importante que houvesse uma agenda de crescimento europeia e que os países que têm superavit avançassem com políticas expansionistas", sublinhou o presidente português, ao responder às perguntas dos jornalistas no final da sua visita, ontem, a silicon valley, a meca da tecnologia mundial

ao traçar o balanço da sua deslocação a silicon valley, cavaco silva considerou plenamente cumpridos os objectivos de apresentar portugal como um país moderno e contribuir para que "o espírito e a cultura" da região mais desenvolvida do mundo do ponto de vista tecnológico chegue a portugal