Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Vendas pendentes de casas nos EUA com a maior queda em três anos

Em causa estão contratos promessa de compra-venda à espera de serem concluídos
Autor: Redação

Em setembro, o número de vendas pendentes de casas nos EUA (contratos promessa de compra-venda à espera de serem concluídos) diminuiu 5,6%. Trata-se, segundo a Associação de Agentes Imobiliários dos EUA (NAR, na sigla original), da maior queda em mais de três anos

Segundo o Dinheiro Digital, que se apoia em dados da NAR, a queda do mês passado foi a maior desde o tombo de 28,9% observado em maio de 2010.