Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Chinesa Evergrande retoma obras em mais de 10 projetos imobiliários

Mergulhada numa crise, e depois de ter escapado ao 'default' à última da hora, a gigante imobiliário anunciou a retoma de obras em seis cidades chinesas.

Evergrande retoma obras em mais de 10 projetos imobiliários
Photo by Shio Yang on Unsplash
Autor: Redação

A gigante imobiliária Evergrande remotou as obras em mais de 10 projetos imobiliários em seis cidades chinesas, incluindo Shenzhen. Uma declaração que surge depois do conglomerado chinês ter conseguido reembolsar o pagamento de juros sob um título emitido em dólares, dias antes de entrar formalmente em incumprimento.

Segundo a Reuters, que avança a notícia, a Evergrande não revelou em quantos dos seus 1.300 projetos imobiliários na China teve que interromper as obras. A 31 de agosto deste ano, lembra a publicação, a empresa disse que alguns projetos tinham sido suspensos por causa de atrasos no pagamento a fornecedores e empreiteiros e que estava em negociações para retomar a construção.

Já este domingo, 24 de outubro de 2021, fez um ‘post’ na sua conta do ‘Wechat’, revelando que alguns dos projetos em que retomou os trabalhos entraram na fase de decoração de interiores, e que, noutros casos, tiveram a conclusão da fase de construção recentemente. A gigante imobiliária, citada pela Reuters, explicou ainda que os seus esforços para garantir a conclusão dos projetos pretendem reforçar confiança do mercado – a empresa incluiu até várias fotos de trabalhadores a construção civil em diferentes projetos.

No mês passado, a Evergrande assegurou aos potenciais compradores que irá concluir a construção das suas casas e disse que as obras num dos maiores estádios de futebol do mundo na cidade de Guangzhou estão a correr conforme planeado.

O pagamento de 83,5 milhões de dólares à última da hora na semana passada, “comprou” tempo à chinesa, nomeadamente para lutar contra uma crise de dívida que se aproxima da segunda maior economia do mundo.