Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Contribuição extraordinária de solidariedade

Últimas notícias sobre "Contribuição extraordinária de solidariedade" publicadas em idealista.pt/news

Radiografia do dia: Cortes nas pensões em 2014 e em 2015

Os cortes nas pensões de reforma vieram para ficar, mas a partir de 2015 serão menores do que os exigidos pela Contribuição Extraordinária de Solidariedade (CES) este ano.

Notícia sobre:

Nova lei das pensões apresentada até julho

O Ministério das Finanças assegurou que a medida que vai substituir a Contribuição Extraordinária de Solidariedade (CES) ainda não está finalizada e só será discutida com a troika na 12ª avaliação, com vista à entrega de um projeto-de-lei ao Parlamento até ao final de julho.

Notícia sobre:

Pensionistas levam novo corte quinta-feira

A nova Contribuição Extraordinária de Solidariedade (CES) que afecta quem recebe mais de 1000 euros brutos de pensões começa a ter efeitos a partir desta semana. O Instituto de Segurança Social (ISS) esclarece que a CES, tal como está prevista no Orçamento Rectificativo, “é aplicada já nas pensões de Abril”.

Notícia sobre:

Reformas acima dos mil euros levam corte de 3,5%

São cerca de 165 mil os pensionistas que até agora estavam a salvo dos cortes nas pensões e que, a partir de abril, vão receber menos 3,5%. A Contribuição Extraordinária de Solidariedade (CES) aplica-se agora a todos os reformados — da Caixa Geral de Aposentações (CGA) e da Segurança Social — que tenham rendimentos brutos de pensões acima de 1000 euros.

Notícia sobre:

Governo discute cortes de dois milhões para 2015

O Governo discute esta segunda-feira as linhas gerais do Documento de Estratégia Orçamental (DEO). O Conselho de Ministros Extraordinário está reunido desde as 8h30 para definir os cortes de quase dois mil milhões de euros na despesa para 2015. Pensões e salários da função pública devem ser os principais alvos.

Notícia sobre:

Corte nas pensões depende da evolução da economia e da demografia

O Governo já tem uma fórmula para substituir a Contribuição Extraordinária de Solidariedade (CES) e tornar definitivos os cortes nas pensões a partir do próximo ano. Segundo fonte do Ministério das finanças, a ideia passa por fazer depender o valor das pensões da evolução da economia e da demografia.

Notícia sobre:

Cavaco Silva promulgou Orçamento Retificativo e nova CES

Cavaco Silva promulgou o Orçamento Retificativo (OR) para 2014, aprovando, desta forma, a aplicação da versão ampliada da Contribuição Extraordinária de Solidariedade (CES). O chefe de Estado pode ainda recorrer a um pedido de fiscalização sucessiva, uma possibilidade que os partidos da oposição já disseram que vão concretizar.

Notícia sobre: