Notícias sobre o mercado imobiliário e economia

Moratória

Últimas notícias sobre "Moratória" publicadas em idealista.pt/news

Prazo para aderir a moratórias do crédito à habitação alargado até 31 de março de 2021

O prazo para aderir às moratórias bancárias, que permitem suspender o pagamento das prestações dos empréstimos, nomeadamente do crédito à habitação, terminou dia 30 de setembro, apesar do regime estar em vigor até setembro de 2021. As famílias e empresas ainda poderão, no entanto, aceder às moratórias, tendo o prazo de adesão sido alargado até março do próximo ano. Em causa está uma proposta de alteração ao Orçamento do Estado para 2021 (OE2021) apresentada pelo PSD e que foi aprovada na especialidade, no Parlamento, na terça-feira (24 de novembro de 2020).

Notícia sobre:

Fim das moratórias vai trazer mais imóveis para o mercado

Os preços das casas subiram em flecha nos últimos anos, nomeadamente em Portugal, mas uma “nuvem” chamada pandemia pode fazer com que o crescimento abrande e que, por isso mesmo, se assista a uma descida generalizada dos mesmos. Um cenário já colocado em cima da mesa pela Comissão Europeia (CE) e pelas agências de notação financeira S&P e Moody's. Para Paulo Barros Trindade, presidente da Associação Profissional das Sociedades de Avaliação (ASAVAL), é de esperar, de facto, uma “correção de preços, verificando-se já esse efeito no mercado de arrendamento”.

Notícia sobre:

Moratórias de crédito: alojamento entre os setores que mais recorreram às ajudas

As moratórias de crédito criadas pelo Governo, no âmbito das medidas execionais de combate à Covid-19, foram concedidas de “forma mais expressiva” às empresas dos setores mais afetados pela pandemia, segundo dados revelados pelo Banco de Portugal (BdP). Destacam-se, entre eles, as empresas de alojamento e restauração, com cerca de 55% do montante de empréstimos concedidos ao setor em setembro a estar abrangido por moratórias.

Notícia sobre:

Bancos deram mais de 751 mil moratórias até setembro – crédito à habitação lidera ranking

Até 30 de setembro, data em que terminou o prazo para se aceder à moratória pública – aprovada pelo Governo na sequência da pandemia da Covid-19 –, os pedidos de adesão a moratórias de crédito abrangeram 812.214 contratos, tendo sido aprovadas e/ou concedidas 751.725 moratórias. Os restantes 60.489 contratos correspondem a situações que estavam ainda em apreciação ou que não preencheram as condições de acesso, revelou esta quinta-feira (5 de novembro de 2020) o Banco de Portugal (BdP).

Notícia sobre:

Portugal é o rei da Europa no peso das moratórias no crédito total concedido pelos bancos

Entre 27 de março e final de agosto, os bancos receberam pedidos para moratórias relativas a 787.807 contratos de crédito, tendo sido aplicada esta medida a 726.996 contratos – a maioria dos empréstimos abrangidos pelas moratórias (42,9%) são relativos a financiamentos para habitação própria permanente e outros créditos hipotecários. Números que fazem com que os bancos nacionais sejam, à escala europeia, os que têm a maior proporção de moratórias em relação ao crédito total: representam perto de 22% do crédito, mostra o relatório da DBRS.

Notícia sobre:

Há quase 727 mil créditos com moratória e maioria (42,9%) é relativa a empréstimos da casa

Entre 27 de março e final de agosto, os bancos receberam pedidos para moratórias relativas a 787.807 contratos de crédito, tendo sido aplicada esta medida a 726.996 contratos, divulgou o Banco de Portugal (BdP) na Sinopse de Supervisão Comportamental. De referir que a maioria dos contratos de crédito abrangidos pelas moratórias (42,9%) são relativos a empréstimos para habitação própria permanente e outros créditos hipotecários.

Notícia sobre:

Moratórias: é possível desistir mas banco tem de ser avisado com 30 dias de antecedência

O prazo para aderir às moratórias bancárias, que permitem suspender o pagamento das prestações dos créditos, nomeadamente à habitação, termina esta sexta-feira (30 de setembro de 2020), tendo o Governo decidido prolongar as respetivas moratórias por mais seis meses, até final de setembro de 2021. Sabe-se agora que os beneficiários podem deixar este regime a qualquer momento, desde que avisem os bancos com um mês de antecedência. 

Notícia sobre:

Prestação da casa sobe 1,7% em outubro de 2021, quando acabar a moratória

Os portugueses que acederam à moratória do Estado e que viram ser suspenso, por isso, o pagamento da prestação da casa ao banco, vão ver o valor subir 1,7% em outubro de 2021, quando for retomada a mensalidade – o Governo prolongou por seis meses, até setembro de 2021, a suspensão da morotória, terminando hoje o prazo para aderir.

Notícia sobre:
Gtres

Termina hoje o prazo para aceder à moratória do crédito à habitação – regime em vigor mais um ano

Termina esta quarta-feira (30 de setembro de 2020) o prazo para aderir às moratórias bancárias, que permitem suspender o pagamento das prestações dos empréstimos, nomeadamente do crédito à habitação. Recorde-se que recentemente o Governo decidiu prolongar por mais seis meses – até 30 de setembro de 2021 – as moratórias, uma decisão que a Deco – Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor vê com bons olhos. Lamenta, no entanto, que a data-limite para aderir não tivesse sido adiada pelo Executivo, mantendo-se, “para já”, até ao final do dia de hoje.

Notícia sobre:

Extensão das moratórias é uma medida “muito importante”, diz presidente do BCP

O presidente da Comissão Executiva do BCP sublinhou a importância para a economia e para as empresas da extensão das moratórias de crédito até setembro de 2021. “É muito, muito importante, enquanto não há um retomar da economia, que haja capacidade de empresas que são viáveis conseguirem sobreviver a estas adversidades”, referiu Miguel Maia, acentuando que o BCP “vê com muito agrado a extensão das moratórias e que estará na ‘linha da frente’”. 

Notícia sobre: